Desejado no Corinthians, Alex Teixeira cita carinho pelo Vasco e sonha com volta do futebol

Goal.com

O atacante Alex Teixeira é um dos nomes mais falados a cada janela de transferências que se abre no futebol brasileiro. Aos 30 anos, o jogador do Jiangsu Suning, da China, atendeu a reportagem da Goal para falar sobre seu momento na carreira e os planos que tem para o futuro próximo.

Alvo do Corinthians em 2018, e envolvido numa negociação tida como próxima de se concretizar pelo clube do Parque São Jorge, o jogador citou seu carinho pelo Vasco e diz que não costuma pensar no que vai fazer nos próximos anos.

"Eu não consigo pensar muito em futuro distante, sabe? Hoje só o que penso é voltar a jogar", comentou o atleta, que tem contrato com o time chinês até o final da temporada e voltou à pauta de diversas equipes nacionais.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Veja o que ele pensa sobre o momento atual do futebol e o que fazer daqui para frente:

Goal.com: Alex, você é um dos caras mais desejados por torcidas brasileiras há alguns anos. Quais são seus planos para o futuro? Incluem voltar a jogar no Brasil em 2021?

Alex Teixeira: Eu não consigo pensar muito em futuro distante, sabe? Hoje só o que penso é voltar a jogar, estou com muita saudades de entrar em campo com meus companheiros, fazer o que eu mais amo que é jogar bola, fazer gols, enfim. Hoje só penso nisso de verdade. 

Goal.com: Aos 30 anos, acredita que ainda volte a atuar na Europa? Ou já encerrou seu ciclo lá?

Alex Teixeira: Como eu falei acima, não consigo pensar nisso agora. Acho que nenhuma porta está fechada na minha carreira. Como você disse, tenho 30 anos, ainda tenho bastante tempo de futebol, tudo pode acontecer. Hoje tenho contrato com o Jiangsu Suning, sou feliz no meu clube, mas, como eu disse, nenhuma porta se fecha assim no futebol com 30 anos.

Alex Teixeira #10 of Jiangsu Suning reacts during the AFC Champions League 2017 Group H match between Jiangsu Suning and Adelaide United
Alex Teixeira #10 of Jiangsu Suning reacts during the AFC Champions League 2017 Group H match between Jiangsu Suning and Adelaide United
Foto: Getty Images

Goal.com: Houve alguma outra procura de times brasileiros além daquela do Corinthians, em 2018?

Alex Teixeira: Tudo que eu soube foi por vocês da imprensa. Sei que meu empresário recebe sondagens, mas ele não traz essas coisas para mim até que sejam concretas, que esteja certo, sabe? Gosto de focar no que estou fazendo aqui. Ouvi muito, sim, sobre o Corinthians na época, como sempre ouço sobre o Vasco, que é um time pelo qual tenho muito carinho, mas não chega a mim esse tipo de coisa até que seja concreto.

Goal.com: Como foi para você acompanhar a evolução da Covid-19 na China e agora, ver o que se passa no Brasil?

Alex Teixeira: Ah, é estranho, né? É uma pandemia, nunca havíamos vivido algo assim eu acho. Com certeza o mundo do futebol ainda não tinha vivido, então ninguém tem uma fórmula concreta do que se deve ou não fazer. Acompanho com muita tristeza o que o mundo está passando, não só a China ou o Brasil.

Leia também