Derrota para o Bragantino iguala marca de partida com mais gols sofridos por São Paulo de Diniz

Fábio Lázaro
·2 minuto de leitura


A derrota do São Paulo por 4 a 2 para o Red Bull Bragantino, nesta quarta-feira (6), pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, em Bragança Paulista, igualou a marca de mais gols sofridos pelo Tricolor em uma mesma partida, desde a chegada de Fernando Diniz ao comando do Tricolor, em setembro de 2019.

A equipe do Morumbi só tinha sofrido mais de três gols em um jogo apenas uma vez em 1 ano e 3 meses, contados desde que Diniz assumiu o comando técnico do clube. No dia 22 de setembro de 2020, o São Paulo foi derrotado por 4 a 2, mesmo placar sofrido pelo Massa Bruta, contra a LDU, em Quito, pela quinta rodada do Grupo D da Conmebol Libertadores.

> Veja a classificação do Brasileirão e simule os próximos jogos

O duelo contra o Red Bull Bragantino foi o de número 70 de Fernando Diniz comandando o Tricolor, no total são 34 vitórias, 19 empates e 17 derrotas, um aproveitamento de 57,6%. Dentre os reveses, cinco foram por 1 a 0, quatro sofrendo dois gols, seis levando três tentos e os dois citados vendo os adversários balançarem as redes quatros vezes. O São Paulo nunca foi derrotado por mais de quatro gols de diferença sob o comando de Fernando Diniz.

Embora os duelos contra o Red Bull Bragantino e LDU tenham sido o que mais o Clube da Fé tenha sofrido gols sob o comando de Fernando Diniz, não foram os com maior diferença sofrida pela equipe sob a batuta do treinador. Pela 29ª rodada do Brasileirão de 2019, o São Paulo foi derrotado pelo Palmeiras por 3 a 0, no Allianz Parque, já na 36ª rodada da mesma competição, o Grêmio aplicou o mesmo placar, jogando em Porto Alegre. Em 2020, pela sétima rodada do Brasileirão o Atlético-MG aplicou 3 a 0 nos são paulinos, em Belo Horizonte.

Em comum, é que todas as derrotas "vexatórias" do São Paulo, seja em quantidade ou diferença de gols sofridos, foram atuando fora de casa.

Bragantino indigesto

São Paulo e Red Bull Bragantino se enfrentaram três vezes nesta temporada, duas pelo Campeonato Brasileiro e uma pelo Paulista, e o Tricolor não venceu. Foram duas derrotas e um empate, no total de oito gols sofridos.

No primeiro duelo, pela 11ª rodada do Paulistão, no Morumbi, derrota por 3 a 2. Já pelo Brasileirão, empate em 1 a 1, no primeiro turno, pela nona rodada, novamente na casa são paulina, onde o Braga perdeu duas penalidades, e, agora, no único confronto em Bragança Paulista, o Tricolor foi derrotado por 4 a 2, pela 28ª rodada do Brasileiro.