Dembélé é uma criança que ganha muito dinheiro', diz Boateng, ex-Barcelona

Goal.com

Kevin-Prince Boateng, ex-companheiro de Ousmane Dembélé no Barcelona, afirmou que o francês "é um garotinho que não sabe como as coisas funcionam". Boateng jogou ao lado de Dembélé durante o empréstimo de seis meses ao Camp Nou, na última temporada. Na ocasião, participou do título espanhol do Barça, em La Liga.

O francês teria cometido algumas atitudes interdisciplinares como por exemplo faltar aos treinos do elenco comandado por Ernesto Valverde. Comportamento, segundo Boateng, atribuído a falta de experiência devido a idade relativamente jovem: “Ele é apenas uma criança que ganha muito dinheiro".

Em entrevista ao Sport Bild, o meio-campista da Fiorentina seguiu: "Ele é muito calmo, não fala muito. Ele ainda é como uma criança para mim. Você precisa aceitá-lo como ele é e pode ser que ele se atrase [para o treino]. Existem jogadores que fazem isso um desafio, mas isso é diferente para ele, ele é como um garotinho. Um que ganha muito dinheiro e você precisa apontá-lo na direção certa”.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Para mim, ele ainda é um garotinho que foi jogado nessa piscina gigante que de repente, do dia para noite, custou 136 milhões e ainda não sabe como tudo funciona, porque ele só quer jogar futebol", disse.

Ousmane Dembele Barcelona 2019-20
Ousmane Dembele Barcelona 2019-20

(Foto: David Ramos)

O Barcelona desembolsou cerca de 136 milhões de libras (cerca de R$680 milhões) ao Borussia Dortmund, da Alemanha, para contar com Dembélé, em 2017. Desde então, o jovem jogador de 22 anos tem se esforçado para atender às expectativas de um dos maiores clubes do mundo.

Dembélé participou de apenas um dos três jogos do Barça em La Liga 2019/20 devido a uma lesão sofrida no joelho durante o jogo contra o Athletic Bilbao, em 16 de agosto, estreia da equipe no torneio espanhol. 

Acredita-se que o prazo de recuperação do jogador não deverá ocorrer até o final deste mês, desta forma, o francês perderá os próximo jogos contra o Valencia e Villarreal, além do duelo contra o Borussia Dortmund, na fase de grupos da Champions League.

Leia também