Após 11 derrotas consecutivas, Udinese demite Oddo e contrata Tudor

EFE

Roma, 24 abr (EFE).- A Udinese, dos zagueiros brasileiros Samir e Danilo, anunciou nesta terça-feira a demissão do técnico Massimo Oddo, que deixa o banco da equipe após uma sequência de 11 derrotas pelo Campeonato Italiano, e definiu Igor Tudor como substituto.

"Udinese Calcio oficializa que demitiu o técnico Massimo Oddo e seus colaboradores da equipe principal. A eles, fica o agradecimento da sociedade", escreveu o clube em comunicado.

Campeão mundial pela seleção italiana em 2006, Oddo foi contratado em 21 de novembro de 2017 e deixa a equipe na 15ª posição do campeonato nacional, com 33 pontos, a apenas quatro da zona de rebaixamento.

O começo de trabalho foi positivo, com uma sequência de cinco vitórias, mas a partir de então a equipe entrou em crise e somou apenas seis pontos nas 16 partidas seguintes.

A Udinese confirmoui ainda que o escolhido para substituir o ex-lateral-direito será o ex-zagueiro Igor Tudor, que como jogador defendeu a Juventus, entre outros, e já treinou o PAOK Salônica, o Karabukspor e o Galatasaray. EFE


Leia também