Defensor do Bayern David Alaba deixará a equipe após 13 anos

·1 minuto de leitura

MUNIQUE (Reuters) - O defensor do Bayern de Munique David Alaba disse nesta terça-feira que deixará o clube ao final da temporada, encerrando o ciclo de 13 anos após o recente desacordo entre jogador e clube na renovação do contrato.

"Decidi que após esta temporada (quero) fazer algo novo, irei deixar o clube", disse o jogador de 28 anos em entrevista coletiva um dia após o empate por 3 x 3 com o Arminia Bielefeld, em jogo do Campeonato Alemão.

"Não foi uma decisão fácil porque estou aqui há 13 anos e este clube está no meu coração", disse, acrescentando que ainda não decidiu para onde irá se transferir.

O nome do austríaco tem sido ligado a vários clubes da Premier League inglesa, enquanto o Real Madrid também demonstrou interesse em contratar o versátil defensor.

"A decisão sobre onde irei a seguir ainda não foi tomada", disse Alaba. “Mas quero um desafio, me desenvolver como jogador dentro e fora de campo. Queria sair da minha zona de conforto."

"O que também influencia minha decisão é onde eu poderei continuar jogando futebol de maneira vitoriosa", disse ele, afirmando ainda que seu agente já está em negociações com vários clubes, mas sem fornecer mais detalhes.

Em novembro, o Bayern retirou uma oferta de contrato para Alaba, que está no clube desde os tempos de juniores em 2008, depois que as negociações sobre o salário anual do jogador se arrastaram por meses.