'Dedé’ e 'Para-Raio’ representam a CMSystem no retorno do Max Fight, em maio

·2 min de leitura
Para-Raiio (esq.) e Dedé se preparam para o Max Fight 24 (Foto: Divulgação)


André “Dedé” e Edilceu “Para-Raio” são os representantes da CMSystem na 24ª edição do Max Fight, tradicional evento do cenário nacional que retorna à ativa no dia 27 de maio, em Curitiba, após um hiato de quase três anos provocado pela pandemia.

Um dos principais pesos-moscas em atuação no Brasil, Edilceu Para-Raio vem de três oito vitórias nas últimas nove lutas, três em sequência. Além disso, o mato-grossense foi campeão do Shooto Brasil e se destacou no Future MMA.

“Fiquei dois anos e meio parado devido à pandemia, mas já estou a todo o vapor, me sentindo muito bem para impor o meu jogo e nocautear o meu adversário. Acredito que, depois disso, as portas dos eventos internacionais se abrirão para mim", disse o lutador.

Aos 39 anos, mas no auge, como ele afirma, "Para-Raio” possui um cartel de 12 vitórias e duas derrotas. A maioria de seus triunfos, 58%, para ser mais preciso, foi via nocaute. Seu adversário será Davi “O Black", dono de um cartel de 12 vitórias e três derrotas.

O meio-médio André “Dedé” também entra para defender a bandeira da equipe liderada por Cristiano Marcello. Aos 30 anos de idade, o paranaense mede forças contra Lucas Paredes em um duelo entre dois especialistas em trocação.

“Ele tem bastante bagagem no kickboxing, prioriza mais a luta em pé, assim como eu, então tenho certeza que será uma luta empolgante para o público. Mas vale lembrar que a luta será de MMA e eu estou preparado para lutar em qualquer área", afirma.

“Dedé” tem uma enorme bagagem no MMA. Com um cartel de 10 vitórias (50% por nocaute) e cinco derrotas, ele participou do TUF Brasil 4 e vem de lutas na França e na Rússia. Lucas Paredes possui um cartel de três vitórias e uma derrota.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos