Decisivo e polivalente, Willian mira titularidade no Palmeiras

Willian chegou ao Palmeiras como substituto de Gabriel Jesus e aspirante a titularidade como centroavante do Verdão. Pouco depois, porém, a contratação milionária de Miguel Borja ofuscou o ex-cruzeirense, que acabou relegado ao banco de reservas. Mesmo assim, Bigode mostra números e uma disposição tática que podem o credenciar a ser titular.

Willian soma quatro bolas nas redes pelo Palmeiras em 2017 e é o artilheiro da equipe na temporada. Além disso, é o segundo jogador com mais participação em gols do Verdão – seis (contando duas assistências), perdendo apenas para Dudu, que soma dois gols e seis assistências. Valorizando o elenco e seu rival na briga posição Miguel Borja, Bigode deixa claro que sabe de sua importância no Verdão.

“Será assim toda a temporada. Ficamos felizes com a contratação do Borja, um cara que ganhou o prêmio de melhor jogador das Américas. Nem parece, mas ele é seis anos mais novo do que eu e um jogador extremamente qualificado, de muita força. Mas também tenho a minha importância. Quando cheguei aqui, não caí de paraquedas. Por onde passei, tive a minha importância e sempre joguei”, avisou o atacante.

Outro trunfo de Willian para buscar a vaga como titular é sua polivalência em campo. Ao contrário de Miguel Borja, o atacante pode jogar tanto como centroavante, como pelos lados na linha de quatro meias do 4-1-4-1 de Eduardo Baptista. Na posição, os principais concorrentes são Dudu, Michel Bastos, Róger Guedes e Keno, sendo que dois destes devem atuar.

Leia mais:

Tchê Tchê e Thiago levam cartões e vão zerados para as quartas

Eduardo destaca méritos do Audax: “O melhor time que enfrentamos”

Palmeiras encaminha contratação do zagueiro Luan, do Vasco

No sábado, Willian anotou o segundo gol do Palmeiras no empate por 2 a 2 contra o Audax, no Estádio Palestra Itália. Na próxima rodada, Bigode deverá ser titular na ausência de Miguel Borja contra a Ponte Preta, quarta-feira, no Moisés Lucarelli, pelo Campeonato Paulista.