De la Cruz no Fla? Prioridade é encontrar R$ 132 milhões

Jorge Nicola
·1 minuto de leitura
De La Cruz em ação pelo River Plate. Foto: Gustavo Garello/Jam Media/Getty Images
De La Cruz em ação pelo River Plate. Foto: Gustavo Garello/Jam Media/Getty Images

Especulado nos últimos dias no Flamengo, o uruguaio Nicolas de la Cruz não está nos planos rubro-negros. Pelo menos por ora. “A prioridade é comprar os jogadores emprestados”, afirma Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Fla, em contato com o Blog, referindo-se ao atacante Pedro e ao volante Thiago Maia.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Os dois estão cedidos ao Rubro-Negro somente até 31 de dezembro. Braz tentou a prorrogação dos empréstimos da dupla, mas ouviu “não” da Fiorentina e do Lille, donos dos direitos econômicos do centroavante e do meio-campista, respectivamente.

Leia também:

Para ficar com ambos, o Fla terá de desembolsar R$ 132 milhões, que equivalem a 20 milhões de euros. Pedro vai custar 13 milhões de euros - falta 1 milhão de euro pelo empréstimo e outros 12 milhões de euros pela compra. Com a camisa rubro-negra, o atacante tem 32 jogos e 16 gols.

Pedro comemora um de seus vários gols com o Flamengo. Foto: Silvia Izquierdo-Pool/Getty Images
Pedro comemora um de seus vários gols com o Flamengo. Foto: Silvia Izquierdo-Pool/Getty Images

Já o contrato de empréstimo entre Lille e Flamengo prevê o valor de 7 milhões de euros para a compra de Thiago Maia, em definitivo. O detalhe é que o clube francês havia desembolsado 14 milhões de euros para adquiri-lo do Santos, em 2017.

Apesar de terem sido reservas durante boa parte da temporada, Pedro e Thiago Maia cresceram demais de produção recentemente. O artilheiro vem de oito gols nos últimos nove jogos. Já Thiago Maia virou titular recentemente, barrando Willian Arão.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos