Daniel Borges vibra com permanência no Botafogo e prevê duelo contra Vasco: 'Clássico nunca é um jogo comum'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Um dos jogadores mais regulares do Botafogo na temporada, Daniel Borges ficará no clube até dezembro de 2023. O lateral-direito bateu uma meta e vai assinar de forma definitiva com o Alvinegro. O defensor comemorou a marca em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, no Estádio Nilton Santos.

+ Enderson ‘vira um turno’ no Botafogo: com 73%, time estaria na cola do Vasco só pelos pontos com o treinador

– Estou feliz aqui e fiquei ainda mais feliz ainda quando acertamos minha permanência para o próximo ano. Estou colhendo aquilo que venho plantando durante a competição. Renovar o contrato é um motivo de muito orgulho - comemorou o lateral.

O Botafogo vive a expectativa de conquistar o acesso para a Série A do Brasileirão. O clube pode confirmar a ascensão já nas próximas duas rodadas da Série B, dependendo de uma combinação de resultados. O primeiro desafio será contra o Vasco, neste domingo, em São Januário.

– Nós temos o objetivo muito claro de buscar o acesso desde o início da competição, mas pensamos jogo a jogo. Temos que pensar no Vasco primeiro, depois vem a Ponte (Preta, jogo da próxima semana). Temos que melhorar nossa campanha fora de casa para continuar sonhando com o acesso. Primeiro de tudo é esse jogo de domingo - afirmou.

O camisa 20 encara o duelo contra o Cruz-Maltino como uma "guerra". Ele garante que o Botafogo vai entrar em campo como sempre joga, pensando em um resultado positivo.

– Clássico nunca é um jogo comum, é sempre decisão, guerra. Da mesma maneira que eles estão precisando da vitória nós também precisamos porque queremos o acesso. Não podemos entrar com esse pensamento de que é só mais uma partida, vamos entrar com o pensamento que é mais uma decisão, que vai ser uma guerra lá dentro e que vamos sair vitoriosos - completou.

MAIS DECLARAÇÕES DE DANIEL BORGES

Concorrência com Rafael na lateral
– Não tem só o Rafael e o Daniel como laterais-direitos, também tem o Jonathan (Lemos) e o Federico (Barrandeguy), eles elevam o nível dos treinamentos e isso me ajuda a fazer o meu melhor dentro do campo.

Jogos no Estádio Nilton Santos
– Fazer uma campanha regular dentro de casa tem sido importante para nós. Sabemos que temos cometido alguns erros fora de casa. No próximo domingo é um clássico, vai ser difícil. O adversário está pressionado por uma vitória, buscando acesso. Temos a consciência do que temos que fazer no domingo para sair com a vitória.

Presença de Joel Carli
– O Carli é o nosso capitão, uma referência do nosso grupo. Como falamos no vestiário, a marcação começa com o Navarro e o Chay lá na frente, isso facilita pra gente fazer um desarme. Ter uma referência como Carli nos dá muita confiança.

Torcida esgotar os ingressos disponíveis contra o Vasco
– Isso é uma notícia muito boa, a gente sempre conta com o apoio da torcida e o que acontece aqui no Nilton Santos é a prova. Empatando em 0 a 0 e a torcida foi fundamental porque eles não pararam de nos apoiar. Sabemos que vai ser fundamental a presença deles (em São Januário), contamos com isso. Vai ser mais uma guerra com o apoio e a presença de todos lá.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos