Daniel Alves é preso pela Justiça da Espanha sem direito a fiança

Daniel Alves foi preso na última sexta-feira (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)


O lateral-direito Daniel Alves teve a prisão preventiva decretada por uma juíza de Barcelona, na Espanha. A determinação foi nesta sexta-feira, já no final da tarde na Europa. A informação foi publicada inicialmente pela Folha de São Paulo e confirmada pelo LANCE!.

Daniel, de 39 anos, já fora detido após se apresentar e depor sobre o caso de agressão sexual a uma mulher na capital da Catalunha. O Ministério Público Espanhol havia pedido a prisão preventiva do jogador. De acordo com o que o jornal El País publicou e o L! também confirmou, não há possibilidade de fiança.

A suposta vítima acusa o lateral da Seleção Brasileira de ter colocado a mão dentro da sua roupa, sem consentimento, durante uma festa realizada em uma boate em Barcelona, na Espanha, no último dia 30 de dezembro.

Logo após a repercussão do caso, o jogador negou a acusação e alegou que estava apenas dançando "sem invadir o espaço de ninguém".

- Sim, eu estava naquele lugar, com mais gente, curtindo. E quem me conhece sabe que eu amo dançar. Eu estava dançando e curtindo sem invadir o espaço dos outros. Eu não sei quem é essa senhora. Nunca invadi um espaço. Como vou fazer isso com uma mulher ou uma menina? Não, por Deus - disse Daniel ao programa espanhol 'Y ahora Sonsoles'.

-> Confira a tabela da Champions League

Daniel Alves jogou a última Copa do Mundo pela Seleção Brasileira e atualmente tem contrato com o Pumas, do México. Revelado pelo Bahia, o lateral de 39 anos fez história com a camisa do Barcelona e também atuou em grandes clubes, como Sevilla, Juventus, PSG e São Paulo.