Daniel Alves se torna o atleta mais velho a atuar pelo Brasil em Copas do Mundo

Bastou entrar em campo para Daniel Alves atingir um recorde com a seleção brasileira. Ao apito inicial da partida diante de Camarões, pela Copa do Mundo do Catar, nesta sexta-feira, o lateral-direito se tornou o atleta mais velho a defender a Canarinho em Mundiais — aos 39 anos.

Mansões de R$30 milhões a mais de R$100 milhões: Veja as casas de Neymar e CR7

Você decide: No simulador, escolha quem será campeão da Copa do Catar

Cobertura: Acompanhe ao vivo primeiro jogo do Brasil na Copa do Mundo 2022

O recorde pertencia ao zagueiro Thiago Silva, que neste mesmo Mundial entrou em campo com 38 anos, diante da Sérvia, na estreia pelo torneio.

Antes desta Copa do Mundo, esta marca pertencia ao ex-lateral-direito Djalma Santos, que na Copa do Mundo de 1966 atuou com 37 anos, 4 meses e 18 dias na derrota do Brasil para a Hungria, no dia 15 de julho.

Se olharmos o top-10, o último que havia entrado para essa lista foi Cafu, que jogou a Copa do Mundo de 2006 com 36 anos.

Dos 10 jogadores mais velhos que jogaram uma Copa pela seleção, apenas Nilton Santos, em 1962, com 37 anos, conseguiu ser campeão.

Estrelas desempregadas: Além de Ronaldo, outros craques já ficaram sem clube

Futuro além de CR7: Nova geração portuguesa se formou vendo astro no auge

Confira: Tabela de jogos da Copa do Mundo