'Dani Alves também pode aprender'; Crespo fala de veteranos do São Paulo

LANCE!
·2 minuto de leitura


O treinador Hernán Crespo foi apresentado pelo São Paulo nesta quarta-feira (17) e participou de uma coletiva de imprensa para falar de sua chegada e de suas expectativas no comando do Tricolor. Entre outros temas, o argentino foi questionado sobre a possível utilização de Hernanes, Juanfran e Daniel Alves, jogadores mais experientes da equipe.


VEJA A POSIÇÃO DO SÃO PAULO NO BRASILEIRÃO! SIMULE OS JOGOS FINAIS!

Crespo afirmou que conhece os jogadores e tem noção da qualidade deles, uma vez que são jogadores conhecidos mundialmente:

- Dani Alves, Juanfran e Hernanes não precisam de apresentação. Para um apaixonado por futebol é muito fácil conhecê-los.

Sobre o aproveitamento dos três jogadores e sobre como pretende escalar Daniel Alves, se o utilizará como lateral ou meia, Crespo disse que ainda não pode tomar essas decisões e tampouco as revelará para a imprensa tão prontamente:

- Todas as ideias que eu puder ter, não faz sentido eu falar hoje ou em público, a equipe vem jogando um campeonato importante, com chances de título. Prefiro falar primeiro com o jogador e depois com a imprensa.

Outro motivo apontado pelo técnico para que não revele nenhuma decisão precocemente é a possibilidade de atrapalhar a situação da equipe. Assim, ele revelou que, mesmo que tivesse tomado alguma decisão, não contaria para a imprensa no momento.

- A equipe está disputando uma coisa importante, de toda forma tem chances de título e tem, quem sabe em porcentagens, maior possibilidade de passar para a fase de grupos da Copa Libertadores. Então qualquer decisão, ou qualquer coisa que eu possa dizer, poderia desequilibrar algo que não quero tocar. - justificou Hernán Crespo.

Ainda sobre Daniel Alves, ao responder uma pergunta sobre a utilização de atletas de base e a evolução dos jogadores do elenco, o treinador fez questão de falar que todos ainda têm condições de aprendizado e de evoluir no elenco.

- Acreditamos e estamos convencidos que o Dani Alves também pode, como mais velho, aprender e pode seguir o fazendo.

O treinador ainda explicou que essa possibilidade de aprendizado de Daniel Alves não significa que o jogador não seja de alto nível, mas trata-se de algo simples, segundo o argentino.

- Na vida nunca se deixa de aprender. É disso que se trata e que vamos fazer, em nossa posição como corpo técnico, com que o jogador melhore e que o time melhore.