Dani Alves ignora rivalidade e torce por Argentina e Messi na Copa do Mundo

Lateral direito da Seleção Brasileira negligencia a disputa contra a Argentina e torce por classificação ao Mundial da Rússia, em 2018

Daniel Alves ignorou a rivalidade entre Argentina e Brasil e apoiou o arquirrival para chegar à Copa do Mundo no próximo ano.

La Pulga foi punido com quatro jogos de suspensão pela Fifa no último mês por xingamentos ao assistente de arbitragem do jogo entre Argentina e Chile. Ele já perdeu o duelo contra a Bolívia e terá que se ausentar de mais três.

A Seleção Brasileira está em melhor forma, tendo se classificado antecipadamente para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, com 10 vitórias em 14 jogos disputados. Contudo, Dani Alves, ex-companheiro de Messi no Barça, está confiante que ambos avançarão, em entrevista ao site da Fifa.

"Argentina vai se recuperar e eles irão para a Copa do Mundo. Eles são uma das tradicionais potências do futebol, e a história está ao lado deles. Eles têm grandes jogadores também. É difícil imaginar a Copa do Mundo sem o melhor, e a Argentina tem Messi, Mascherano e muito mais. Eles estarão lá", comentou.