Dana White sugere que irmãos Diaz podem não lutar mais: "Oferecemos e eles recusam"

Conhecidos pelo seu talento no jiu-jitsu e por seu jeito polêmico, os irmãos Diaz não são vistos no octógono há quase um ano. Enquanto Nick não luta desde janeiro de 2015 quando foi pego um exame antidoping, Nate encarou Conor McGregor em agosto passado e não se apresentou mais. E, ao que parece, os atletas estão esperando uma oportunidade que renda muito dinheiro – ou não voltarão mais a lutar, na opinião do presidente do UFC.

Desde que foi liberado para voltar a lutar, Nick já teria recusado duelos contra Robbie Lawler, Tyron Woodley e Anderson Silva sem apresentar qualquer justificativa. Por sua vez, Nate também teria negado um duelo contra Tony Ferguson. E, talvez por isso, Dana White acredita que os irmãos podem não voltar nunca mais aos cages.

“Nós oferecemos lutas e eles recusam. Não sei o que eles querem. Agora é com eles. Se eles querem lutar semana que vem ou nunca mais, é uma decisão deles. […] Nós oferecemos lutas toda hora. Não sei se eles voltarão a lutar algum dia”, declarou Dana durante uma conversa com o site ‘TMZ’.

Na última quarta-feira (3), durante uma entrevista no programa ‘The MMA Hour’, Nate deu a sua versão dos fatos e contou que recusou o duelo contra Ferguson uma vez que, na sua opinião, ‘El Cucuy’ deveria estar enfrentando McGregor.

“Eles estão me pressionando para lutar contra o Tony Ferguson. Mas que p*** é essa, eu vou cobrir o Conor McGregor e fazer o seu trabalho enquanto ele está lá ganhando milhões de dólares e fazendo lutas de boxe?”, atacou.

Atualmente, os irmãos Diaz seguem sem data para retornar ao octógono. E certamente, quem mais perde com isso são os fãs de MMA.