Dana White critica falta de respeito com Cerrone antes do UFC 246

No dia 18 de janeiro Conor McGregor retorna aos octógonos diante de Donald Cerrone. Desde que o duelo foi oficializado pelo Ultimate, parte dos fãs questionaram se ‘Cowboy’, que vem de duas derrotas na liga, seria realmente páreo para o falastrão irlandês em um combate. Essa visão foi duramente criticada por Dana White, presidente do UFC, que pediu mais respeito ao veterano de 36 anos.

Em entrevista ao site da ‘ESPN’ americana, Dana opinou que as suspeitas sobre a capacidade de Cerrone como lutador em um duelo diante de Conor são um desrespeito à sua história como atleta. De acordo com o presidente do UFC, ‘Cowboy’ não pode ser descartado como o eventual vencedor na luta principal do UFC 246, evento progrmado para a cidade de Las Vegas (EUA).

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“O nível de desrespeito mostrado ao Cowboy durante toda essa promoção (de luta) … Aparentemente as pessoas esqueceram (o quão bom ele é). Cowboy perdeu duas seguidas. Mas o Cowboy já perdeu duas vezes e depois emendou sequências impressionantes (de vitórias). Então não descartem o Cowboy assim”, destacou White, antes de falar sobre a luta do ponto de vista dos negócios.

“Ninguém está desapontado com o Cerrone, te prometo isso. Eu garanto que será a maior (luta) para os negócios. É muita m*** falar que alguém está desapontado com Conor vs Cerrone. Pura besteira. Se você reparar nesse casamento de luta, Conor perdeu sua última luta, assim como o Cerrone. São dois caras top 5 se enfrentando. Não deem ouvidos para essa palhaçada”, completou o cartola do Ultimate.

Assim que foram colocados à venda, todos os ingressos disponíveis para o show se esgotaram imediatamente. Desta forma, a promessa é de casa cheia na ‘T-Mobile Arena’ para assistir o retorno de McGregor à ativa como profissional de MMA.

 

 

Leia também