Dana revela planos de McGregor para 2020: "Quer o cinturão BMF de Masvidal"

Conor McGregor vai voltar a pisar no octógono do Ultimate em janeiro de 2020, quando encara Donald Cerrone, no UFC 246, mas já tem traçado em sua cabeça todos seus planos para o ano que vem. Quem adiantou isso foi o presidente da organização, Dana White. De acordo com o dirigente, o irlandês tem como uma das metas ‘roubar’o cinturão BMF (de mais “durão” de todos) conquistado por Jorge Masvidal, em novembro deste ano.

Em entrevista ao site ‘ESPN.com’, o mandatário disse que o ex-campeão peso-leve (70 kg) e peso-pena (66 kg) planeja fazer três combates em 2020. Além de Donald Cerrone, seu rival no dia 18 de janeiro, a ideia do europeu é encarar Khabib Nurmagomedov, além de Masvidal.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“Conor quer esse cinturão de Masvidal. Fiz isso só uma vez e, como eu disse, foi divertido. Foi demais. Veremos o que acontece”, disse.

Dana e McGregor possuem uma boa relação, por isso, o presidente da franquia foi bem claro com o lutador que não aprovava a sua ideia de enfrentar Masvidal. Para o cartola, o irlandês, caso vença Cerrone, devia esperar até ganhar uma disputa de cinturão nos leves.

“Eu acho que é uma má ideia. Conor fica chateado quando digo que é uma péssima ideia e ele fica tipo: ‘Você acha que não posso derrotar Masvidal?’ Não estou dizendo que você não pode vencer Masvidal. Qualquer um pode derrotar alguém em um determinado dia, mas por quê? Por que ir atrás dessa luta quando você poderia esperar?”, explicou o mandatário.

Conor McGregor não luta desde outubro de 2018 quando foi derrotado por Khabib Nurmagomedov, em disputa do cinturão dos leves da organização. Antes desde duelo, o irlandês vinha de triunfos sobre Eddie Alvarez e Nate Diaz.

Leia também