Déjà Vu? Croácia repete roteiro de 2018, mas terá o Brasil como grande desafio nas quartas de finais

Croácia venceu o Japão nesta segunda-feira (Foto: Jewel SAMAD/AFP)


A Croácia está classificada para as quartas de finais da Copa do Mundo do Qatar. A seleção croata, que terá como grande adversária a Seleção Brasileira, avançou de fase ao vencer o Japão nos pênaltis, no mesmo estilo que a equipe que chegou até o vice-campeonato mundial em 2018.

No Copa do Mundo da Rússia, a Croácia chegou até a decisão do torneio passando por prorrogações e pênaltis em todas as fases. Nas oitavas de finais, a Croácia enfrentou a Dinamarca, empatou por 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação, e avançou nos pênaltis. Nas quartas, eliminou a dona da casa Rússia nos pênaltis após empate por 1 a 1 no tempo normal e de outro 1 a 1 no tempo extra. Na semifinal, deixou a Inglaterra pelo caminho ao vencer por 2 a 1 na prorrogação. No único jogo em que não foi para o tempo extra, a Croácia foi derrotada por 4 a 2 pela França, na final da Copa do Mundo.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


A Croácia é um time moldado para saber sofrer. O próprio técnico da seleção croata, Zlatko Dalic, afirmou que o jogo desta segunda-feira foi parecido com o que a equipe passou na Copa da Rússia. A Croácia saiu atrás no placar, empatou e levou o jogo para o tempo extra. O Japão pressionou, mas falhou nos pênaltis, e novamente com um goleiro croata brilhando, desta vez foi Livakovic que decidiu, assim como Subasic foi importante na campanha do vice em 2018.

+ Brasil x Croácia: veja data e horário do jogo das quartas de final da Copa do Mundo

Mas dessa vez, nas quartas de finais, a Croácia terá pela frente um adversário bem mais difícil que a Rússia, como foi em 2018: a Seleção Brasileira. E talvez esteja nesta partida a grande prova de fogo para a seleção croata desde a final contra a França. Mas os croatas parecem estar prontos para mais uma batalha, seja ela de 90, 120 minutos ou nas cobranças de pênaltis.

+ É a última Copa do Mundo de Modric? Veja números do camisa 10 da Croácia

- Brasil ou Coreia? Não faço ideia, mas estamos prontos para qualquer um. Temos qualidade, confiança e caráter, estamos prontos para tudo - disse Borna Barišić, lateral-esquerdo da Croácia após a classificação.

Nos dois únicos confrontos entre Brasil e Croácia na Copa do Mundo, a vantagem é brasileira. Em 2006 e 2014, as seleções estiveram no mesmo grupo e, curiosamente, fizeram o jogo de primeira rodada. Na Alemanha, em 2006, o Brasil venceu por 1 a 0, gol de Kaká. Em 2014, em casa, a Seleção ganhou de virada, por 3 a 1.

Apesar de ser uma equipe guerreira e que vende caro suas derrotas, a Croácia terá pela frente talvez a grande favorita ao título da Copa do Mundo para derrubar. Se os croatas querem repetir a dose de 2018, terão que passar pela principal prova de força na competição.