Curry brilha, Warriors batem Suns e asseguram liderança do Oeste

O Golden State Warriors confirmou sua classificação para os playoffs na primeira colocação da Conferência Oeste nesta terça-feira ao vencer o Phoenix Suns por 120 a 111, fora de casa. A franquia californiana já havia carimbado sua presença na próxima fase da NBA, no entanto, após o duelo contra os rivais de Arizona, os atuais vice-campeões garantiram pela terceira vez consecutiva a melhor campanha da temporada regular, já que os Spurs também colaboraram ao perderem para os Lakers.

O grande destaque do duelo foi Stephen Curry. Após brilhar contra o Washington Wizards, foi a vez do camisa 30 mostrar tudo o que sabe e sair de quadra como cestinha da partida, com 42 pontos. Já o Phoenix Suns teve como principal arma o jovem de apenas 20 anos Devin Booker, que terminou o jogo como maior pontuador de sua equipe (21 pontos).

Essa foi a 13ª vitória consecutiva dos Warriors na atual temporada, a maior sequência de triunfos da equipe e de toda a NBA nesta temporada.

Sem contar com Draymond Green e Andre Iguodala, poupados nesta terça-feira, o Golden State Warriors teve em Curry a válvula de escape para conseguir superar os Suns fora de casa. Desde o primeiro minuto o camisa 30 tomou as redes do jogo e dificultou a vida dos anfitriões, que pouco puderam fazer frente ao talento do MVP das duas últimas temporadas, que acertou os cinco dos seus primeiros seis arremessos no jogo.

Após encerrar o primeiro quarto com a grande vantagem de 41 a 18 no placar, o Golden State Warriors relaxou e deixou os Suns encostarem nos 12 minutos seguintes. Os donos da casa fizeram o dobro de pontos dos adversários e diminuíram o marcador para 58 a 52 antes de irem para o intervalo.

Na volta para o segundo tempo os Suns seguiram dificultando a vida dos Warriors, que passaram a ter mais dificuldades para exercer suas jogadas e pontuarem. Apesar dos donos da casa melhorarem significativamente em comparação com o primeiro quarto, Stephen Curry frustrou os planos da franquia, que não resistiu ao poder de decisão do camisa 30 e acabou somando a quarta derrota em quatro jogos contra os atuais vice-campeões da NBA nesta temporada.

Os Warriors voltam à quadra neste sábado, quando encaram o New Orleans Pelicans, em casa. Já o Phoenix Suns recebe o Oklahoma City Thunder de Russell Westbrook, na sexta.