Cuiabá vence Avaí e sai da zona de rebaixamento no Brasileiro

CUIABÁ, MT, 27.10.2022: CUIABÁ-AVAÍ - Partida entre Cuiabá e Avaí, válida pelo Campeonato Brasileiro 2022, realizada na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), nesta quinta. (Foto: Gil Gomes/Agif/Folhapress)
CUIABÁ, MT, 27.10.2022: CUIABÁ-AVAÍ - Partida entre Cuiabá e Avaí, válida pelo Campeonato Brasileiro 2022, realizada na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT), nesta quinta. (Foto: Gil Gomes/Agif/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Pepê marcou no final, selou a vitória do Cuiabá por 1 a 0 sobre o Avaí e tirou o clube auriverde do Z4, em partida válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, nesta quinta-feira (27), na Arena Pantanal, em Cuiabá (MT).

Com a a vitória, o Cuiabá soma 34 pontos, vai ao 17º lugar e foge, momentaneamente, da zona de rebaixamento. Já o Avaí, que fez sua primeira partida após a demissão do técnico Lisca, continua na vice-lanterna, com 28 pontos, seis a menos do que o adversário mato-grossense.

Os dois times tiveram poucas oportunidades de gol na primeira etapa, com a disputa de bola dando pouco trabalho aos goleiros.

O Avaí voltou para o segundo tempo animado, e quase abriu o placar com Kevin. No entanto, Empereur desviou a bola e o goleiro auriverde Walter segurou a jogada.

Aos 14, foi a vez do Cuiabá chegar perto do tento -André Luís recebeu na entrada da área e bateu para o gol, mas a bola parou na trave.

O gol da partida saiu apenas no final, aos 45 minutos. Pepê recebeu a bola no meio-campo, cortou a defesa avaiana e superou o goleiro Glédson, garantindo a vitória do clube auriverde.

Agora, o Cuiabá se prepara para ir até o Rio de Janeiro enfrentar o Botafogo, na terça-feira (1º), e defender a permanência na Série A do Brasileiro. Antes disso, encontra o Costa Rica-MS, neste sábado (29, pela Copa Verde. O Avaí, por sua vez, recebe o Red Bull Bragantino na quarta-feira (2), pelo Campeonato Brasileiro.

CUIABÁ

Walter; João Lucas (Jonathan Cafu), Marlon (Vinícius Boff), Alan Empereur e Igor Cariús; Marcão, Lucas Cardoso (Rodriguinho), Rafael Gava, Pepê e Felipe Marques (Gabriel Pirani); André Luis (Gustavo Nescau). Técnico: António Oliveira

AVAÍ

Glédson; Kevin (Marcinho), Raniele, Rafael Vaz (Raphael) e Natanael; Bruno Silva, Lucas Ventura, Renato e Eduardo (Jean Cléber); Muriqui (Pablo Dyego) e Bissoli (Rômulo).

Estádio: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)

Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG)

VAR: Thiago Duarte Peixoto (SP)

Cartões amarelos: André Luis (CUI); Bruno Silva (AVA)

Gols: Pepê (CUI), aos 45'/2ºT