Cuca 'culpa' foco na Libertadores por má campanha do Galo no Brasileiro

Cuca chegou a se despedir dos atletas do Atléico-MG - (Foto: Pedro Souza/Atlético-MG)


O Atlético-MG tem uma campanha abaixo do esperando no Campeonato Brasileiro deste ano, apesar de ter um elenco muito forte e badalado. O time mineiro ocupa a sétima colocação e mesmo com a troca de comando, saindo Turco Mohamed e entrando Cuca, o Galo não conseguiu engrenar. A única meta para "salvar" o ano é buscar uma vaga na Libertadores de 2023. E dar foco na competição internacional este ano, quando foi eliminado nas quartas de final, foi para o treinador o que fez o clube cair de rendimento na temporada.

- Penso que pusemos todas as fichas nossas na Libertadores e nos custou caro. Quando a gente foi eliminado nos pênaltis (para o Palmeiras), nós atrasamos no Brasileiro. São riscos que a gente corre. Não serve de desculpa, mas foi, no meu entendimento, na parte que eu dirigi, (foi) o que aconteceu - disse.

Cuca assumiu o Atlético em julho, e conquistou apenas 46% dos pontos. Foram 18 jogos com cinco vitórias, sete empates e seis derrotas. Naquela época, o Galo estava na quarta colocação e hoje ocupa a sétima posição, longe do G-4.

Além da queda no rendimento, Cuca teve de lidar com perdas importantes, como a lesão de Hulk na panturrilha, o grave problema de Guilherme Arana,que so volta no ano que vem e também o problema físico de Pedrinho, que se lesionou no empate contra o América-MG, na 24ª rodada.

Outra perda recente foi de Alan Kardec, que operou a coluna. Cuca disse que os jogadores fazem falta, mas pela força do elenco, deveria estar mais à frente na tabela.

- Eles fazem falta, lógico. Não é esse o tema principal. O tema é que nós tivemos uma queda grande em decorrência de diversos fatores. Um time que ganhou os títulos que ganhou ano passado, tem um plantel para estar muito mais a frente do que está - comentou.

Nesta segunda-feira, 7, às 20h, o Atlético tem mais uma chance de avançar e colar no G-6, pois enfrenta o Botafogo, no Mineirão, fechando a 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.