Cuca admite que partidas não foram ‘vistosas’, mas destacou que seu time não teve riscos contra o América-MG

·1 minuto de leitura


O Atlético-MG confirmou o favoritismo e conquistou o seu 46º título Mineiro na sua história. O Galo chegou ao bicampeonato estadual após empatar pela segunda vez com o América-MG em 0 a 0, neste sábado, 22 de maio, no Mineirão.

Mas, as duas decisões com o Coelho não foram de muitas emoções, com as duas equipes sendo fortes nas defesas, mas sem inspiração no ataque, o Galo levou para casa mais uma taça, aumentando sua hegemonia em Minas Gerais, ficando com 30 títulos a mais do que o Atlético e oito de vantagem sobre o Cruzeiro, seu maior rival.

Para o técnico Cuca, mesmo com os empates, valeu o resultado final, que confirmou o alvinegro como o vencedor do Estadual de Minas Gerais pelo segundo ano seguido, a 46ª vez na história. O comandante achou que sua equipe controlou bem os dois confrontos, não correndo riscos. Confira nos vídeos o que o técnico falou sobre o título mineiro.

Cuca. celebrado pelos jogadores após o título, ficou satisfeito com o controle do Galo sobre o rival nas duas partidas finais do Mineiro
Cuca. celebrado pelos jogadores após o título, ficou satisfeito com o controle do Galo sobre o rival nas duas partidas finais do Mineiro

Cuca. celebrado pelos jogadores após o título, ficou satisfeito com o controle do Galo sobre o rival nas duas partidas finais do Mineiro-(Pedro Souza/Atlético-MG)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos