Cruzeiro tem data de julgamento sobre dívida por Rodriguinho marcada

O não pagamento da dívida pode acarretar um novo transfer ban ao clube estrelado  - (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)


O Cruzeiro teve a data do julgamento do caso que envolve a compra do meia Rodriguinho com o Pyramids, do Egito. O Tribunal Arbitral do Esporte, órgão ligado à Fifa, comunicou ao clube celeste, nesta terça-feira, que a sessão acontecerá no próximo dia 10, na suíça.

A informação foi antecipada pelo ge. A compra de Rodriguinho junto ao Pyramids ocorreu em janeiro de 2019. O Cruzeiro espera receber ordem de pagamento de 3,5 milhões de dólares (cerca de R$ 18 milhões).

Em outro julgamento, ocorrido em maio deste ano, a FIFA aceitou parcialmente os pedidos do Pyramids. A condenação implica no pagamento de 3 milhões de dólares mais 5% de juros ao ano e 300 mil dólares de multa, com data de início a partir de 1 de janeiro de 2022.

O não pagamento da dívida após 45 dias a partir da ordem de pagamento acarretará um novo transfer ban à Raposa, ou seja, a impossibilidade de registrar novos atletas por até três janelas de transferência.

Atualmente no Cuiabá, o jogador, campeão brasileiro pelo Corinthians, defendeu o Cruzeiro entre 2019 e 2020. Com a camisa celeste, foram 22 partidas disputadas, com oito gols marcados.