Cruzeiro recebe multa e tem jogadores punidos por confusão com o Guarani

Filipe Machado recebeu punição de dois jogos - Divulgação/Cruzeiro


O Cruzeiro foi julgado no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) na última terça-feira. O time celeste foi punido em R$ 2,4 mil por atraso para chegar em campo para a partida contra o Guarani, no Mineirão, pela Série B, enquanto que teve o volante Filipe Machado punido por dois jogos, e Daniel Jr. e Edu punidos com um jogo cada. O time ainda foi absolvido por objetos atirados ao gramado pela torcida.

Além das suspensões dos jogadores, o preparador físico do clube, Gonzalo Álvarez, foi punido por um jogo, enquanto que o diretor de operações, Enrico Ambrogini, foi advertido. O Cruzeiro ainda pode recorrer.

Filipe Machado foi expulso na partida após entrada forte em jogador do Guarani. Na saída de campo, o jogador deu um soco em uma estrutura de acrílico reservado para integrantes da CBF, e foi denunciado por conduta antidesportiva.

Já Edu recebeu punição "praticar ato desleal ou hostil". Após o gol do Guarani, o atacante correu em direção aos jogadores do time adversário, e os confrontou de maneira agressiva. Daniel Jr. foi punido por ofensas ao árbitro.