Cruzeiro recebe autorização para realizar eleições presenciais em maio

Valinor Conteúdo
LANCE!


O Cruzeiro recebeu autorização das entidades sanitárias e de saúde para realizar presencialmente as eleições do clube que escolherá o próximo presidente da Raposa para um mandato “tampão” até o fim do ano. A pandemia do coronavírus ameaçava a realização do pleito, que foi confirmado para o dia 21 de maio.


O presidente interino da Raposa, José Dalai Rocha, revelou que a liberação das eleições pelas autoridades aconteceu no início da noite desta segunda-feira. No dia da eleição, a direção do Cruzeiro ainda vai definir como irá conduzir o processo, para evitar que haja aglomeração nos locais de votação.



- Vamos poder realizar, mas com os cuidados necessários. Máscara para todo mundo, álcool gel disponível. A ideia inicial é dividir os eleitores, conselheiros, em ordem alfabética e em horários diferenciados. Ainda não decidimos se será somente em um lugar, mas também pode ocorrer em mais de um- disse Dalai Rocha em entrevista à TV Globo.

A preocupação na Raposa com aglomerações se deve pelo alto número de votantes, 400 conselheiros, mais os apoiadores. O clube estuda dividir os horários de votação entre os conselheiros, evitando concentração de pessoas.

Para tentar a presidência, se apresentaram como candidatos, Sérgio Santos Rodrigues, único oficialmente registrado no pleito, Ronaldo Granata, que deve oficializar a candidatura em breve e Giovani Baroni, que também não confirmou sua candidatura ao cargo máximo da Raposa.





Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também