Verón pode se tornar coordenador das seleções de base da Argentina

Buenos Aires, 21 abr (EFE).- O veterano meia e presidente do Estudantes, Juan Sebastián Verón, pode ser escolhido como o novo coordenador das seleções sub-15, sub-17 e sub-20 da Argentina, com o desafio proporcionar uma renovação entre as gerações.

"Falta definir alguns detalhes, mas vou estar a cargo das seleções juvenis e deverá ser a prioridade no futebol argentino. Os clubes devem pensar nos garotos, no futuro", disse o jogador, de 42 anos, à emissora "TyC Sports".

O presidente da Associação do Futebol Argentino (AFA), Claudio Tapia, deu como certa a nomeação de Verón, que nesta sexta-feira antecipou o desejo de contar com o ex-atacante Diego Milito.

"Diego Milito tem presença e ideias claras. Ele é necessário para a seleção argentina e seu nome é uma ideia compartilhada por todos os dirigentes", disse Verón.

Qustionado sobre Jorge Sampaoli, atual técnico do Sevilla e candidato ao cargo de treinador da seleção argentina principal, Verón disse "ele tem muitas coisas similares" a Marcelo Bielsa, que dirigiu a equipe nacional entre 1998 e 2004. EFE