Cruzeiro confirma que fará reunião com empresários para ajudar o clube

·1 minuto de leitura


Após um adiamento, o Cruzeiro confirmou que o presidente Sérgio Santos Rodrigues fará uma reunião com empresários em busca de soluções e apoio para o clube, atolado em dívidas e problemas, que geraram a maior crise de sua história.

O encontro foi confirmado, mesmo com algumas ausências, como dos empresários Vittorio Medioli e Aquiles Diniz, que não estarão por motivo de agenda. Outro nome que não deverá estar é de Pedro Lourenço, principal parceiro do clube e que está em atrito com a atual diretoria.

Sérgio Santos Rodrigues busca apoio político e financiero. O clube confirmou no encontro Emílio Brandi ,Paulo Henrique Pentagna Guimarães, Clésio Andrade, Alvimar Perrella e Ícaro Vilar.

- As portas do Cruzeiro estão sempre abertas. Com certeza, hoje será a primeira de muitas conversas com os grandes empresários cruzeirenses. Inclusive, reforço publicamente o convite aos empresários que querem tirar dúvidas, opinar e ajudar nesta caminhada. Estou convicto de que essas reuniões serão muito proveitosas para o clube - disse o presidente, em nota, que revelou que a mudança do clube para empresa estará em pauta no encontro.

- Paralelo a isso, estamos no aguardo da aprovação da Lei 5516/2019, da Sociedade Anônima do Futebol (SAF), que inclusive é de autoria do senador mineiro Rodrigo Pacheco, atual presidente do Senado, que aprovou o projeto, e que está a par do trabalho cuidadoso que estamos fazendo aqui no Cruzeiro sobre esta transição. Agora, estamos aguardando a apreciação por parte da Câmara dos Deputados - destacou Sérgio Rodrigues.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos