Criticada por show com aglomeração, cantora rebate: ‘A vida de quem trabalha com entretenimento não importa?’

David Barbosa, Giuliana de Toledo e Maria Fortuna
·1 minuto de leitura
Mariana Fagundes
Mariana Fagundes

A cantora sertaneja Mariana Fagundes reuniu milhares de fãs no último sábado (17), durante um show em Tailândia, no interior do Pará. O público se aglomerou em um parque de exposições sem preocupação com o distanciamento social ou cuidados recomendados pelas organizações de saúde por causa da Covid-19.

A apresentação, que fazia parte da programação da 17ª Expotai (Exposição Agropecuária de Tailândia), promovida pelo Sindicato Rural com apoio da Secretaria Municipal de Cultura da cidade, durou seis horas e só acabou já com o dia claro. A cidade tem cerca de 109 mil habitantes e já registrou mais de dois mil casos de Covid-19 e 45 mortes.

Imagens do show viralizaram nas redes sociais. Mariana postou vídeo da apresentação no Instagram e comemorou o reencontro com o público: “Voltei pro palco e foi assim... Obrigada!”. A cantora dividiu opiniões e precisou desativar os comentários de seu post.

Em nota enviada por sua assessoria de imprensa, a cantora disse: “Eu não fiz show enquanto não podia, respeitando todas as determinações e normativas. Mas em Tailândia está liberado, por isso eu fui! Saímos de casa pra trabalhar e num lugar em que está permitido acontecer show. Não sou eu a responsável pela medida adotada no município, não é a minha área de expertise, porém, se há uma normativa que permite a minha atividade e recebi o convite, fui lá, junto com os meus, e fiz o que sei fazer muito bem. Fizemos! Novamente, a vida de todos importa, menos a de quem trabalha com entretenimento?”.

A Prefeitura de Tailândia afirmou que o evento cumpriu “todos os protocolos estadual e municipal, sem falar do controle sanitário de medição de temperatura, distribuição de máscaras e álcool em gel”.