Cristiano Ronaldo tem aeroporto batizado com seu nome na Ilha da Madeira

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Aeroporto Internacional da Ilha da Madeira, em Funchal, tem a partir desta quarta-feira o nome de Cristiano Ronaldo. Uma cerimônia no local marcou o "batismo". O astro da seleção portuguesa e do Real Madrid esteve presente acompanhado de sua mãe Dolores Aveiro.

Um busto do jogador também foi colocado na entrada principal do aeroporto. A inauguração teve a presença de Marcelo Rebelo de Sousa, presidente de Portugal.

"Ver o meu nome ser dado a este aeroporto é algo especial. Todos sabem que tenho orgulho das minhas raízes, da minha terra. Acho que as homenagens devem ser feitas aos distinguidos em vida, como é o meu caso. Agradeço a quem teve a coragem e defender a ideia. Fico feliz e honrado, mas não sou hipócrita e sei que algumas pessoas não estão de acordo, algumas até que estão aqui neste momento, mas todos temos direito a expressar a nossa opinião", afirmou o jogador.

"Sei da responsabilidade que tenho, tentarei sempre dignificar Portugal e em especial a Madeira, com dedicação, espírito de sacrifício e paixão, como sempre fiz até agora", completou em sue discurso oficial.

Na Ilha da madeira, Cristiano Ronaldo já tem diversas homenagens, como uma estátua gigante, um museu e um hotel que leva seu nome.

Aproveitando o "batismo" do aeroporto, o correio de Portugal vai lançar dois postais comemorativos. No verso de cada postal está o aeroporto e na frente está o selo com uma imagem de Cristiano Ronaldo.

Já a Câmara Municipal do Funchal irá expor até 13 de Abril cerca de 170 peças, entre jornais, revistas e caricaturas de várias partes do mundo sobre o jogador.

Na terça-feira, Ronaldo esteve em campo por 59 minutos e fez um gol na derrota de Portugal para a Suécia por 3 a 2. Os gols da virada sueca aconteceram quando o astro já havia deixado o gramado.

Foi o 71º gol com a camisa da seleção, o que o deixa a seis de igualar o feito de Pelé, que fez 77 com a camisa do Brasil.