Crise e crime no Vasco: 'Vai morrer todo mundo', ameaça pichação em São Januário

·1 minuto de leitura

As três derrotas seguidas do time do Vasco fizeram a crise virar crime. Parte do complexo de São Januário amanheceu, neste domingo, com pichações e ameaça de morte, além de críticas fortes à base do clube. Foi o Expresso 1898 quem publicou primeiramente.

- Vai morrer todo mundo - dizia a declaração mais forte.

Leia também:

No último sábado, dia do aniversário do clube, mas horas antes da derrota para o Operário, havia acontecido um protesto em frente ao clube. Vale lembrar que pichações e, mais ainda, ameaças como a deste domingo podem ser enquadrados como crimes.

O Vasco já viveu recentemente casos de violência. Carros de jogadores foram apedrejados na saída de São Januário após a derrota para o Avaí, há dois meses.

Este é o pior momento da história do clube. O próximo desafio é contra a Ponte Preta, no domingo que vem.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos