Crespo mostra convicção no trabalho: 'Penso que vou ficar dez anos no São Paulo'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Apesar do empate do São Paulo por 1 a 1 contra a Chapecoense, lanterna do Campeonato Brasileiro, o técnico Hernán Crespo mostrou convicção em seu trabalho a frente do clube do Morumbi. Para o treinador, ele tem tudo para fazer um trabalho a longo prazo no time.

- Penso no presente, porque é fundamental, mas também penso que vou ficar dez anos no São Paulo. Minha ideia é sempre pensar em um projeto, meu pensamento sempre foi assim, independentemente do que possa acontecer. Penso no presente, para conquistar a vaga na Libertadores, mas seguramente sempre vou ter a mentalidade que vou estar aqui por dez anos - afirmou Crespo, em entrevista coletiva.

Sobre a partida, o argentino lamentou as chances desperdiçadas e elogiou a postura ofensiva do time, de buscar o gol.

>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

- Acredito que tivemos jogadores que jogaram muito bem, mas o placar, esse empate, não merecíamos, merecíamos ganhar por dois ou três gols. Meu trabalho é ver esse tipo de coisa, não somente o resultado, que, infelizmente, não ajudou a gente. Vi um São Paulo protagonista, que concedeu pouco ou nada, mas empatou o jogo. É duro, é difícil, mas aconteceu - disse.

O São Paulo está na 13ª colocação do Brasileiro, com 28 pontos. A próxima partida é contra o Santos, na quinta-feira (7), às 18h30, no Morumbi.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos