CRB vence CSA em clássico alagoano na Série B e cola no G4

·3 minuto de leitura


Este sábado (3), foi marcado pelo clássico alagoano na Série B. Superior em todo primeiro tempo, o CRB marcou no início da segunda etapa com Diego Torres, de pênalti. O CSA até melhorou após o tento sofrido, mas não conseguiu empatar o confronto.

Agora o CRB segue na cola do G4, estando há um ponto do Goiás, quarto colocado. Enquanto isso, o CSA estagna na 14ª colocação com apenas oito pontos ganhos. Na próxima rodada, o Galo duela com o Botafogo, na terça-feira (6), em casa. Por outro lado, o Azulino volta a campo no domingo (11), para encarar o Brusque, como visitante.

CRB dominante, CSA com a melhor chance

O início de jogo foi truncado, com as equipes estudando bem uma a outra, mas aos sete minutos, Marthã saiu errado, Cajá roubou e deixou Dellatorre em boas condições. O atacante bateu rasteiro, com perigo e Diogo Silva fez ótima defesa. Logo depois dessa oportunidade, o CRB tomou as ações ofensivas, tendo 68% de posse de bola por grande parte do confronto. Mas ficou apenas nos toques, sem projetar boas chances.

Mais tarde, Guilherme Romão recebeu na área, passou da marcação e bateu cruzado, mas a zaga travou o chute. Logo depois, Diego Torres bateu com veneno e Caetano cabeceou por cima do gol. No finalzinho, Romão quase marcou de cabeça, mas Thiago Rodrigues fez boa intervenção. O CSA até tentou, mas não conseguiu empatar.

Pressão e abertura de placar

O CBR começou a segunda etapa com tudo e Hyuri quase abriu o placar os dois minutos. Logo depois, Romão recebeu na área, tentou passar por Matheus Felipe, foi derrubado e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Diego Torres bateu firme e abriu o placar para o lado vermelho de Maceió. Logo após sofrer o tento, Dellatorre quase empatou para o CSA, mas Diogo Silva interviu.

Com a obrigação do empate, o Azulino continuou no ataque e Yago arriscou de longe, a bola passou perto da meta. Cajá até balançou as redes após cobrança de falta, mas pelo lado de fora. Logo depois, Bruno Mota inverteu o jogo com categorias, Yago dominou e bateu com veneno, por perto.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
CSA 0 x 1 CRB


Local: Estádio Rei Pelé, Maceió-AL
Data/horário: 03 de julho de 2021 (sábado), às 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Salim Fende Chavez - SP
Assistente 1: Daniel Luis Marques - SP
Assistente 2: Alex Ang Ribeiro - SP
Gols: Diego Torres (6'/2T) (0-1)
Cartões amarelos: Giva Santos, Dellatorre e Lucão (CSA), Erik, Guilherme Romão, Diogo Silva e Ewandro (CRB)

CSA: Thiago Rodrigues; Ewerthon (Yuri 33'/2T), Matheus Felipe, Lucão e Vitor Costa (Kevyn 15'/2T); Geovane, Giva Santos (Bruno Mota 20'/2T) e Renato Cajá; Yago, Reinaldo (Marco Túlio - Intervalo) e Dellatorre. Técnico: Bruno Pivetti.

CRB: Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Caetano e Guilherme Romão; Marthã (Claudinei 18'/2T) Jean Patrick (Carlos Jatobá 36'/2T) e Diego Torres (Renan Bressan 36'/2T); Ewandro (Celsinho 28'/2T), Erik (Nicolas Careca 36'/2T) e Hyuri. Técnico: Allan Aal.



Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos