Coxa começa a disputa das semis diante do bom Cianorte

As semifinais do tumultuado Campeonato Paranaense 2017 começam neste domingo, às 16 horas (de Brasília). No estádio Albino Turbay, no norte do Estado, Cianorte e Coritiba iniciam a disputa que levará a grande decisão. Com algumas ações nos tribunais ainda em análise, entretanto, o confronto pode não ter validade se for determinado que as quartas de final sejam novamente disputadas.

Alheio a isso, o Alviverde vai a campo buscar a vitória e garantir uma vantagem para o jogo de volta. Para isso, o técnico Pachequinho não contará com o artilheiro da competição, Kléber Gladiador, que recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão. Além disso, os laterais William Matheus e Rodrigo Ramos serão reavaliados e podem ficar de fora da disputa.

O treinador coxa-branca alerta que o time não deve encontrar as facilidades apresentadas nas duas goleadas impostas ao Cascavel e prevê um duelo duro. “As dificuldades que vamos enfrentar são grandes. Eles são muito competitivos dentro de casa e é um jogo diferente do que foi em Cascavel. A atmosfera é outra, o Cianorte é mais difícil em casa. E há uma pressão muito grande”, avaliou.

Com uma campanha sólida desde o início da competição, o Leão do Vale vê cada vez mais sólido o sonho de chegar ao título. O técnico Marcelo Caranhato montou uma equipe que mistura experi}Ecia e juventude, que encaixou bem e, dentro de casa se tornou uma pedra nos sapatos dos adversário. Essa é a aposta para o primeiro confronto do time que teve ter a base dos duelos diante dos Prudentópolis mantida.

FICHA TÉCNICA

CIANORTE X CORITIBA

Local: Estádio Albino Turbay, em Cianorte (PR)

Data: 16 de abril de 2017, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Edivaldo Elias da Silva

Assistentes: Pedro Martinelli Christino e Victor Hugo Imazu dos Santos

CIANORTE: Joao Gabriel; Gerônimo, Breno, Maurício e Ganzer; Jovany, Leo Gago, Xavier, Eduardinho; Vinicius e Dandan

Técnico: Marcelo Caranhato

CORITIBA: Wilson; Dodô, Walisson Maia, Márcio e Henrique Gelain; Edinho, Alan Santos, Anderson e Tiago Real, Iago e Neto Berola

Técnico: Pachequinho