Cowboy promete usar contra-ataque em revanche com Tim Means

Luis Fernando Coutinho

Depois de emplacar duas vitórias consecutivas, Alex Oliveira teve a sequência interrompida por uma luta sem resultado. Contra Tim Means, em dezembro, o brasileiro sofreu um golpe ilegal durante o combate e o duelo chegou ao fim. Diante do mesmo rival, mas em local diferente, Cowboy tenta vencer o americano pelo card principal do UFC Fortaleza, neste sábado, com uma estratégia simples: o contra-ataque.

Em conversa com a imprensa antes do evento, o lutador lamentou o ocorrido no primeiro confronto e projetou a sua estratégia para a revanche com Means.

- Estou doido para que essa luta aconteça logo porque aquele dia não foi uma luta, foi uma pena que aconteceu aquela fatalidade. Agora vou mostrar para o Brasil e para o mundo quem é quem, ou eu ou ele. Estudamos o jogo dele, eu e meus mestres, e fizemos uns ajustes. Agora estamos mais preparados. Quando ele vier com a arma dele, vamos vir com o contra-ataque. (Vamos) jogar no contra-ataque - prometeu o peso-leve.

Alex ainda revelou que fez toda a sua preparação para a luta em Três Rios, Rio de Janeiro. Ele deixou de lado a oportunidade de treinar na Flórida (EUA), na American Top team, para trabalhar em um lugar onde seu foco é preservado.

- Essa preparação fiz toda na minha cidade, em Três Rios. Estou mais motivado, mais focado, mais tranquilo, estou feliz, e vamos sair na porrada. Optei treinar na minha cidade porque é mais tranquilo. Na ATT tem muito treino, tem maior material humano, mais preparo, tem tudo, mas optei por ficar aqui mesmo. Podia ter ido junto com o (Thiago) Marreta para treinar, mas optei por ficar aqui, mais focado, mais tranquilo, mais "de boa" - concluiu.







E MAIS: