COVID-19 obriga Manchester United a adiar ampliação do Old Trafford



O diário inglês `The Sun` divulgou que a diretoria do Manchester United adiou o início das obras que iriam ampliar a capacidade do Estádio Old Trafford, hoje em 73.600 lugares. O motivo foi a crise da Covid-19, que interrompeu a Premier League e quase todos os torneios esportivos internacionais, além de ter realizado isolamento social. As obras estavam previstas para ter seu início no Verão europeu (em julho). Porém, com a pandemia e a incerteza da volta das partidas (que empurraria o encerramento da competição para agosto), a nova data é incerta e provavelmente nada será feito neste ano.

A última remodelação de Old Trafford ocorreu em 2006, quando o estádio passou a ter 76 mil lugares. Porém, anos depois, com a criação de 300 lugares para pessoas com mobilidade reduzida, o estádio passou a ter 76.300 lugares. Esta remodelação, considerada simples e que terminaria em poucas semanas, antes do início da temporada 2020/21, elevaria a capacidade do estádio para próximo de 80 mil.



Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também