Coutinho dá fim a jejum de cinco anos sem gols de falta na Seleção

Philippe Coutinho celebra segundo gol do Brasil nesta terça-feira (Foto: GIUSEPPE CACACE / AFP)
Philippe Coutinho celebra segundo gol do Brasil nesta terça-feira (Foto: GIUSEPPE CACACE / AFP)


Fabinho sofreu falta pouco antes da meia lua aos 33 minutos do primeiro tempo do amistoso entre Brasil e Coreia do Sul, nesta terça-feira. Philippe Coutinho, com muita classe, colocou no ângulo do goleiro Jo Hyen-Woo para fazer o segundo gol brasileiro em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Estava quebrado um jejum de cinco anos, dois meses e 14 dias sem gols de falta do time canarinho.

O último gol do Brasil em cobrança de falta havia sido no dia 5 de setembro de 2014, no amistoso contra a Colômbia, em Miami. Na ocasião, Neymar venceu o goleiro Ospina para fazer o gol da vitória verde amarela nos Estados Unidos.

Philippe Coutinho voltou a ser titular da Seleção brasileira após ficar no banco na última sexta-feira, na derrota do Brasil para a Argentina, por 1 a 0.

O Brasil já vencia a Coreia do Sul por 1 a 0, com gol de Lucas Paquetá, quando o meia-atacante marcou de falta, dando fim a um pesadelo - que ganhou notoriedade especialmente pela voz de Galvão Bueno. Em transmissões de jogos da Seleção, tornou-se comum ver o narrador batendo na tecla do jejum de gols de falta da equipe brasileira.

No fim, o Brasil venceu o amistoso diante da Coreia do Sul por 3 a 0.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também