Courtois, herói do Real Madrid contra o Getafe, endossa mês fantástico

Belga apoiou sua equipe com quatro grandes defesas que lhe permitiram deixar a porta a zero em quatro dos últimos cinco jogos
Belga apoiou sua equipe com quatro grandes defesas que lhe permitiram deixar a porta a zero em quatro dos últimos cinco jogos

A vida de Thibaut Courtois está mudando. Se no início da temporada ele viu como sofreu nove gols no primeiro mês em cinco jogos, agora vê como só conseguiu um nos últimos 40 dias com cinco partidas defendendo o gol de Madrid.

De fato, o belga viveu uma maldição no Bernabéu, onde ficou 269 dias sem poder sair sem pegar a bola no fundo da rede, uma provação importante, se possível, em 2-2, em frente ao Bruges, onde ele ouviu os pitos de sua platéia antes deixe o jogo em repouso devido à indisposição.

Foi então que se iniciou o debate sobre se Zidane havia se saído bem ao deixar Keylor Navas escapar ou se Areola poderia ocupar a posição de goleiro.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Mas, no último mês, Courtois foi excelente, salvando sua equipe de vários obstáculos. Apenas um gol de Soler no Valencia-Real Madrid em 15 de dezembro passado sofreu o ex-Chelsea e Atlético em cinco jogos. E esse oposto teve bons Miuras como Barça, Athletic ou Getafe, até recentemente nas posições de Campeões. Ele foi o autor do leilão antes do gol de Benzema, que valeu o empate em Mestalla.

Antes da caixa azul era o melhor time com quatro paradas de mérito. Arambarri tentou a sorte aos 24 minutos, mas o belga voou para limpar a bola. Minutos depois, Fajr deu um bom tropeço ao goleiro, que completou sua primeira grande parte ao desviar um chute de Cabrera.

No segundo tempo e com o vento a favor de sua equipe, ele fechou o caminho para Mata novamente com um chute à gol. Mesmo outra ação anulada, iniciada no segundo tempo, fez Courtois mostrar seus reflexos ao chutar o chute de Fajr.

Ele tem apenas nove gols contra ele em 16 jogos (os outros dois que acumulam o Real Madrid concedido por Areolá), o que lhe permite ser o atual Zamora da LaLiga para o goleiro menos golpeado.

Bata Oblak (12 em 19 jogos) e Unai Simón (11 em 17 jogos). A norma do prestigiado troféu determina que, para conquistá-lo, o goleiro deve jogar pelo menos 28 partidas, fato que Courtois poderia cumprir.

Há uma circunstância de que, desde a temporada 2007-2008, nenhum goleiro de Madri consegue esse prêmio. Foi Iker Casillas naquela temporada. No entanto, o próprio Courtois já sabe o que é vencer, ele o fez com a camisa do Atlético de Madrid nas temporadas 2012-2013 e 2013-2014.

Leia também