Cotado no Corinthians, Cazares teve 2019 menos produtivo que o de Luan em má fase

Goal.com

Juan Cazares afirmou na última semana que gostaria de defender o Corinthians por causa da grandeza no clube e voltou a ter seu nome ligado ao Timão. O meia equatoriano, tema nos bastidores alvinegros desde 2018, porém, não traz nos números justificativa para animação dos corintianos.

Autor de seis gols e de apenas uma assistência no Campeonato Brasileiro de 2019, o jogador foi menos produtivo, por exemplo, do que Luan, principal contratação corintiana até aqui.

Mesmo apontado como em má fase no seu último ano de Grêmio, Luan deu seis passes para gol e anotou quatro durante o último Brasileiro, tudo isso atuando em seis partidas a menos do que Cazares (20 a 26).

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Em 2020, porém, ainda não é possível fazer uma comparação justa entre os dois nomes. Cazares disputou apenas uma partida na temporada, enquanto Luan já passou da dezena de duelos disputados pelo Timão.

Sem negociação aberta no momento, o Corinthians tem procurado focar seus esforços em desenvolvimento de alternativas para lidar com a pandemia do Covid-19, que paralisou o futebol em quase todo o mundo.

A busca por reforços deve ficar apenas para o segundo semestre do ano, quando há a possibilidade da retomada dos campeonatos. Até lá, é tempo para que os dois procurem melhorar seus números dentro de campo.

Leia também