Corredor britânico reclama de comida nos Jogos Olímpicos: 'Parece uma prisão'

·1 minuto de leitura
Britânico Tom Bosworth vai disputar a marcha atlética nos Jogos Olímpicos de Tóquio (Foto: REUTERS/Ibraheem Al Omari)
Britânico Tom Bosworth vai disputar a marcha atlética nos Jogos Olímpicos de Tóquio (Foto: REUTERS/Ibraheem Al Omari)

O britânico Tom Bosworth, que vai disputar a marcha atlética nos Jogos Olímpicos de Tóquio, reclamou da comida servida aos competidores em Sapporo, cidade a 800 quilômetros ao norte da capital japonesa que sedia as modalidades de corrida e maratona.

Em publicação no Twitter, Bosworth classificou as refeições oferecidas aos atletas como "lixo frio" e disse que local "parece uma prisão". Posteriormente, ele apagou o post.

Leia também:

"Alguma chance, na semana de nossa corrida, de conseguirmos um pouco de comida?", escreveu. "Como refeições de verdade? Não esse lixo frio, cebola cozida no vapor ou macarrão parcialmente cozido? Este é o 'ponto mais alto do esporte'. Sapporo parece uma prisão."

As provas de corridas longas e maratona serão realizadas em Sapporo por conta de seu clima mais ameno. A maioria dos competidores de outras modalidades fica na Vila Olímpica, em Tóquio.

Em outro tweet, Bosworth seguiu se queixando das condições das instalações em Sapporo.

"Bem-vindo ao refeitório de escola que uma vida inteira de trabalho duro lhe dá", ironizou. "Alguma chance de você ser um pouco focado como atleta? Alguma chance de conseguirmos um pouco de ar fresco além da volta de treinamento de 900m que temos? Uma xícara de café não faria mal."

A disputa da marcha atlética nos Jogos Olímpicos está marcada para a próxima sexta-feira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos