Coronavírus: Governo Bolsonaro gasta 86% de verba para salvar economia

BRASILIA, BRAZIL - MAY 12: President of Brazil Jair Bolsonaro wearing a face mask talks to Paulo Guedes, Minister of Economy, as they greet supporters before flag ceremony amidst the coronavirus (COVID-19) pandemic at the Palácio do Alvorada on May 12, 2020 in Brasilia. Brazil has over 168,000 confirmed positive cases of Coronavirus and 11,519 deaths. (Photo by Andressa Anholete/Getty Images)
BRASILIA, BRAZIL - MAY 12: President of Brazil Jair Bolsonaro wearing a face mask talks to Paulo Guedes, Minister of Economy, as they greet supporters before flag ceremony amidst the coronavirus (COVID-19) pandemic at the Palácio do Alvorada on May 12, 2020 in Brasilia. Brazil has over 168,000 confirmed positive cases of Coronavirus and 11,519 deaths. (Photo by Andressa Anholete/Getty Images)

O governo Bolsonaro liberou, até agora, R$ 398 bilhões para combater a pandemia do novo coronavírus. Deste valor, R$ 342 bi (86%) foram para tentar recuperar a economia.

De acordo com reportagem do jornal Folha de S.Paulo, o governo publicou 367 atos normativos no D.O.U. (Diário Oficial da União), o primeiro em 4 de fevereiro (declaração de emergência na saúde).

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A maior parte das medidas se refere à economia (161), seguida pela saúde (97), que recebeu R$ 52,5 bilhões (13% do total) do governo federal.

Leia também:

As medidas foram assinadas pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que tem minimizado os efeitos do coronavírus desde o início da pandemia, declarada em 11 de março pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

O ministério da Saúde contabilizou, até o último sábado (27), 57.070 mortes por Covid-19, sendo 1.109 registradas nas últimas 24 horas. Segundo país mais atingido pela pandemia, atrás apenas dos Estados Unidos, o Brasil tem 1.313.667 casos confirmados de coronavírus.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também