Coritiba tropeça em Cianorte na primeira semifinal

Daniel Piva
Time teve dificuldades no sistema ofensivo e foi derrotado por 1 a 0 pelo Cianorte, no Estádio Albino Turbay

O Coritiba largou em desvantagem na semifinal do Campeonato Paranaense. Na tarde deste domingo, no Estádio Albino Turbay, o Coxa, que teve muitas dificuldades no sistema ofensivo, não foi páreo ao Cianorte, que venceu por 1 a 0, com um gol marcado pelo meia Eduardinho, ainda no primeiro tempo.

Logo nos minutos iniciais, o Cianorte demonstrou que o Coritiba não teria vida fácil. Apostando em uma forte marcação e saindo em muita velocidade, o time do interior assustou o goleiro Wilson, do Coxa, com Xavier e com Maurício. Já o time alviverde ficava com a bola, mas trocava passes apenas no sistema defensivo e não levava perigo algum contra a meta do arqueiro João Gabriel.

Com esse cenário, o Cianorte abriu o placar aos 31 minutos. Xavier e Vinícius fizeram grande jogada pelo lado esquerdo do ataque e, após um cruzamento, Eduardinho bateu com estilo, dentro da grande da área, para balançar a rede no Estádio Albino Turbay.

- É o jogo da vida deles. Temos que melhorar e termos mais atenção e vontade - cobrou o goleiro Wilson, ao deixar o gramado no intervalo da partida, em entrevista concedida à Rádio Transamérica de Curitiba.

Mas apesar do pedido do goleiro do Coritiba, o panorama pouco mudou no Estádio Albino Turbay. O Coxa ficava com a bola, mas tinha dificuldades para superar as linhas defensivas do Cianorte, que seguia sendo perigoso nos contra-golpes. Breno, aos 24, e Eduardinho, aos 29, exigiram grandes defesas de Wilson.

Observando a falta de criatividade do sistema ofensivo, o técnico Pachequinho sacou Tiago Real, Iago Dias e Alan Santos e colocou em campo Daniel, Filigrana e Leo Santos, respectivamente. No entanto, o Coritiba seguiu com pouca criatividade e não levou um perigo sequer contra o goleiro João Gabriel.

Com o resultado, o Cianorte jogará por um empate no próximo final de semana, no Couto Pereira. Já o Coritiba precisará vencer por dois gols de diferença para garantir a vaga na decisão. Um triunfo do Coxa por apenas um gol de superioridade levará o jogo para as penalidades máximas.











E MAIS: