Coritiba marca no fim e empata com Confiança pela Série B

·4 minuto de leitura


Na noite desta terça-feira (28), o Coritiba recebeu o Confiança em partida válida pela 27ª rodada do Brasileirão Série B. Nirley colocou os visitantes na frente, mas depois de tanto pressionar os mandantes conseguiram o empate já no fim do jogo. Com o resultado, o Coxa se manteve na liderança, mas pode ter a distância para o vice-líder encurtada. Enquanto isso, o Dragão segue longe do primeiro time fora do Z4.

Agora, as duas equipes voltam a campo já na próxima semana. No domingo (3), o Confiança recebe o Vasco, às 18h15. Por outro lado, na segunda-feira (4), o Coritiba vai até Belém encarar o Remo, às 20h. Ambas as partidas são válidas pela 28ª do Brasileirão Série B 2021.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Domínio Coxa Branca
O começo do jogo no Couto Pereira foi todo do Coritiba. Em casa, a equipe paranaense se impôs diante do rival e aproveitou muito as laterais. Por diversas vezes, Natanael e Guilherme Biro se fizeram presentes no ataque e procuraram Léo Gamalho.

Contudo, a melhor chance do artilheiro saiu em uma jogada de Rafinha. O camisa 7 fez lance individual e serviu o centroavante. Rafael Santos fez a defesa em um primeiro momento. Na sobra, Jonathan Bocão evitou o gol. O Confiança chegou apenas uma vez. Ítalo arriscou de longe, mas isolou.

Confiança cirúrgico
A pressão do início do jogo seguiu presente pelo lado do Coritiba na parte intermediária do primeiro tempo. Léo Gamalho chegou a acertar a trave após cruzamento na área em chute de primeira.

Entretanto, quando tentou um lance mais agudo, o Confiança foi premiado. Em cobrança de escanteio curto, João Paulo cruzou na segunda trave, e Nirley apareceu para cabecear no canto oposto de Wilson e abrir o placar para o time sergipano no Paraná.

Faltou pouco...
​Depois do gol, as subidas do Confiança ao ataque que já eram raras praticamente acabaram. Vencendo o líder do campeonato, os visitantes passaram a ocupar ainda mais os espaços no campo defensivo e travaram o duelo.

Por sua vez, o Coritiba teve praticamente todo o tempo de posse de bola para criar as suas jogadas, mas os erros no último passe atrapalharam o surgimento de grandes chances. A melhor dela veio nos segundos anteriores ao intervalo. Lançado, Igor Paixão saiu na frente de Rafael Santos e tentou por cobertura, mas a bola passou por cima do gol, levando o 1 a 0 a favor do Confiança para o intervalo.

Entraram levando perigo
Na volta do intervalo, ambos os técnicos promoveram mudanças nos seus times. Uma das substituições de Morínigo no Coritiba, Val entrou colocando fogo no jogo. De longe, o volante arriscou um chute e obrigou Rafael Santos a cair no canto esquerdo para espalmar.

Apostando nos contra-ataques e procurando se defender bem, o Confiança demorou a chegar com perigo. Somente aos 14 minutos, Rafael Vila, que entrou no intervalo, saiu na frente de Wilson, mas pegou mal na bola e errou o alvo.

De tanto tentar...
Os 45 minutos finais foram todos do Coritiba. Entretanto, o chute de Val foi o único lance do time da casa pelo chão. No mais, o Coxa abusou da bola aérea e acabou fazendo o nome da defesa adversária, que se sobressaiu.

Em lance perigoso neste modelo de jogo, Guilherme Biro e Léo Gamalho inverteram os papéis. O atacante serviu o lateral dentro da área, que, de frente para Rafael Santos, isolou. Contudo, quem não desperdiçou sua oportunidade foi William Alves. O jogador recebeu de Léo Gamalho e cabeceou sem chances para Rafael Santos, fechando o jogo em 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 1 X 1 CONFIANÇA
​​​Local
: Estádio Couto Pereira, em Curitiba-PR
Data/Horário: 28 de setembro de 2021 (terça-feira), às 21h30
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Ricardo Junio de Souza (MG)
Gols: Nirley (20'/1°T) (0-1), William Alves (45'/2°T) (1-1)
Cartões amarelos: Matheus Sales, Val, Willian Farias, Henrique (Coritiba), Neto Berola (Confiança)

CORITIBA: Wilson; Natanael, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias (William Alves, aos 32'/2°T), Matheus Sales (Val, aos 0'/2°T) e Robinho (Valdeci, aos 43'/2°T); Rafinha (Guilherme Azevedo, aos 0'/2°T), Léo Gamalho e Igor Paixão (Wellington Carvalho, aos 43'/2°T). Técnico: Gustavo Morínigo.

CONFIANÇA: Rafael Santos; Jonathan Bocão (Fernando Medeiros, aos 37'/2°T), Nirley, Adalberto e João Paulo; Madison (Vinícius Barba, aos 6'/2°T), Jhemerson (Robinho, aos 27'/2°T) e Álvaro; Willians (Rafael Vila, aos 0'/2°T), Ítalo (Neto Berola, aos 27'/2°T) e Lohan. Técnico: Luizinho Lopes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos