Coritiba bate Cianorte e faz final do Paranaense com o Atlético-PR

O Coritiba entrou em campo, neste domingo, precisando reverter o placar negativo do primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paranaense. Jogando no Couto Pereira, o Coxa venceu o Cianorte, por 3 a 1, e confirmou vaga na grande final do Estadual.

Na primeira partida, o Cianorte venceu em seu território por 1 a 0, com isso, o Coxa entrou em campo precisando vencer por, no mínimo, dois gols de diferença. No primeiro tempo, Henrique Almeida e Kléber Gladiador marcaram para o Coritiba, e Vinícius descontou para o Cianorte. Já no segundo tempo, Iago balançou as redes e confirmou a vitória.

A grande final do Estadual colocará frente a frente Coritiba e Atlético-PR. O Coxa decide o segundo jogo da final no estádio Couto Pereira, por ter melhor campanha.

O jogo – O Coritiba começou pressionando o Cianorte. Precisando do resultado positivo, a equipe do técnico Pachequinho se lançou ao ataque e foi recompensado logo aos nove minutos. O lateral Rodrigo Ramos foi a linha de fundo e cruzou na medida para o atacante Henrique Almeida, que dominou e chutou para abrir o placar: 1 a 0.

Com mais posse de bola, o Coxa ganhou volume de jogo e partiu em busca do segundo gol. A equipe, no entanto, pecava nas finalizações, e tinha más escolhas no setor defensivo. O time conseguiu ampliar em uma infelicidade da zaga do Cianorte. A equipe visitante tentou sair jogando no setor defensivo e acabou dando a bola nos pés de Alan Santos, que tocou para Kléber Gladiador finalizar de fora da área e ampliar.

O Cianorte, precisando de no mínimo um gol para levar a partida para os pênaltis, passou a atacar o Coritiba. Perto do final do primeiro tempo, o atacante Vinícius dividiu bola com o goleiro Wilson e caiu dentro da área: pênalti. Na cobrança, Vinícius deslocou o goleiro e descontou para o Cianorte.

Na segunda etapa, o técnico Pachequinho colocou Matheus Galdezani em campo, e a substituição surgiu efeito. Dois minutos após entrar em campo, o meia construiu a jogada do terceiro do Coxa. O meia ligou para o atacante Iago, que ajeitou e chutou cruzado, no alto, balançando as redes e dando mais tranquilidade ao Coxa.

Com a bola nos pés, o Coritiba passou a administrar o placar. Enquanto isso, o Cianorte tentava ir ao ataque na base dos cruzamentos, mas não conseguia aproveitar e acabou derrotado.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA 3 X 1 CIANORTE

Local: estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Data: 23 de abril de 2017, domingo

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Leonardo Sigari Zanon

Assistentes Bruno Boschilla e Luiz Henrique de Souza Santos Renesto

Cartões amarelos: Wilson, Walisson Maia e Werley (COR); Jovany, Leo Gago, Dandan e Jackson (CIA)

GOLS: 

CORITIBA: Henrique Almeida aos 9, Kléber aos 38 do primeiro tempo e Iago aos 20 do segundo

CIANORTE: Vinícius aos 47 do primeiro tempo

CORITIBA: Wilson; Rodrigo Ramos, Wallison Maia, Werley e William Matheus; Alan Santos, Anderson, Tiago Real (Matheus Galdezani) e Neto Berola (Iago); Kleber (Edinho) e Henrique Almeida

Técnico: Pachequinho

CIANORTE: João Gabriel; Jackson, Breno, Maurício e Davi Luis; Jovany (Rafael Carrilho), Eduardinho, Léo Gago e Xavier (Valdo Gigante); Vinícius e Lucas Pará (Dandan)

Técnico: Marcelo Caranhato

Leia também