Coritiba bate o Brasil de Pelotas e segue vice-líder da Série B

Gazeta Press


Gols saíram apenas no segundo tempo da partida (Divulgação/CFC)

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O Coritiba fez a lição de casa, em um jogo morto no Couto Pereira, e bateu o Brasil de Pelotas pro 2 a 0, consolidando sua posição no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Coxa chegou aos 29 pontos, na segunda colocação. Já o Xavante, com 18 pontos, é o 13º colocado na classificação.

A equipe alviverde começou a partida tentando impor seu ritmo, mantendo a posse de bola, mas com dificuldade nos primeiros minutos em criar algo no campo de ataque. Aos sete minutos, Giovanni fez a jogada e serviu Rodrigão, que partiu em velocidade e soltou o pé, direto pela linha de fundo. Robson aproveitou falha da zaga gaúcha, aos 11 minutos, mas arrematou em cima da defesa.

A disputa era morna em campo, com muitos erros da equipe visitante, mas os donos da casa sem criatividade. Aos 15 minutos, lançamento de Rodrigão para Thiago Lopes, mas a bola correu demais. Cruzamento na medida para Rodrigão, aos 20 minutos, e desta vez a cabeçada foi certeira, parando em uma grande defesa de Carlos Eduardo.

O goleiro xavante começou a trabalhar. Aos 26 minutos, Robson recebeu na área e pegou de primeira para Carlos Eduardo salvar e ceder escanteio. Thiago Lopes tentou resolver sozinho, aos 35 minutos, caminhou com a bola e chutou completamente torto, para fora. Rodrigão também errou o alvo por muito, aos 39 minutos, em tentativa na entrada da área.

Para a etapa final, nenhuma mudança nas equipes. O Brasil finalmente finalizou a gol, aos dois minutos, com Cristian, que mandou um petardo que Muralha quase se complicou para defender. A resposta veio em cobrança e falta de Giovanni, na entrada da área, aos quatro minutos, fazendo jogada ensaiada com Rafael Lima, que cruzou fechado para Carlos Eduardo tocar para escanteio.

O jogo seguia fraco tecnicamente, porém, mais equilibrado após o intervalo. Aos 11 minutos, Rafael Grampola pegou sobra de bola e chutou bonito para grande intervenção de Alex Muralha. Até que, aos 17 minutos, levantamento na área de Juan Alan para Sabino desviar e manda para o fundo da rede, abrindo o placar no Alto da Glória.

Boa oportunidade para o Coxa ampliar, aos 28 minutos, com Juan Alano, que recebeu na área e chutou em cima de Carlos Eduardo, no rebote, Thiago Lopes também parou no goleiro. Mas, aos 32 minutos, Robson recebeu de Rodrigão e tocou na saída do goleiro para marcar o segundo do Coritiba. Houve reclamação de impedimento no nascedouro da jogada. Aos 40 minutos, Robson tentou devolver a assistência para Rodrigão, que não aproveitou na segunda trave.

Na próxima rodada, o Coritiba enfrentará o Oeste, segunda-feira, na Arena Barueri. Já o Brasil de Pelotas terá pela frente o São Bento, terça-feira, no Estádio Bento Freitas.

CORITIBA 2 X 0 BRASIL DE PELOTAS

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Data: 13 de Agosto de 2019, terça-feira

Horário: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)

Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (MG) e Marcyano da Silva Vicente (MG)

Cartões amarelos: Juan Alano (Coritiba); Cristian, Ednei e Ricardo Luz (Brasil)

Gols

CORITIBA: Sabino, aos 17 minutos e Robson, aos 32 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Alex Muralha; Diogo Mateus, Rafael Lima, Sabino e William Matheus; Matheus Sales, Juan Alano, Giovanni (Rafinha) e Thiago Lopes; Robson e Rodrigão (Igor Jesus).

Técnico: Umberto Louzer

BRASIL DE PELOTAS: Carlos Eduardo, Ricardo Luz, Bruno Aguiar, Leandro Camilo e Ednei; Leandro Leite (Elias), Carlos Jatobá, Diogo Oliveira e Murilo Rangel; Cristian (Branquinho) e Rafael Grampola (Rodrigo Alves).

Técnico: Bolívar


Leia também