Corinthins e Red Bull Bragantino se enfrentam com desfalques

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 05.03.2021 - O técnico português Vitor Pereira, do Corinthians. (Foto: Ronny Santos/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 05.03.2021 - O técnico português Vitor Pereira, do Corinthians. (Foto: Ronny Santos/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Após o empate por 0 a 0 contra o Deportivo Cali, na quarta-feira (4), pela Copa Libertadores, o Corinthians vira a chave e joga neste domingo (8) contra o Red Bull Bragantino, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. A partida coloca frente a frente o líder e o vice-líder da Série A em Bragança Paulista. Antes do confronto, o elenco corintiano finaliza a preparação neste sábado (7) pela tarde em seu centro de treinamento.

O lateral Fagner realizou exames de imagem após desembarcar da viagem à Colômbia, onde o Corinthians jogou na quarta, contra o Deportivo Cali, e teve um entorse no tornozelo direito diagnosticado, sendo desfalque para o duelo contra o Red Bull Bragantino. O meia Luan também é baixa, já que precisou aplicar ácido hialurônico no quadril esquerdo após voltar a sentir um incômodo no local.

A situação de Fagner é considerada de baixa complexidade. Portanto, apesar de ficar fora do jogo deste fim de semana, pelo Campeonato Brasileiro, não preocupa a comissão técnica para o longo prazo. O camisa 23 do Alvinegro está sob os cuidados dos fisioterapeutas do clube e fará tratamento intensivo até que seja liberado para retornar aos treinos com bola no CT Joaquim Grava.

Nome ainda não utilizado por Vítor Pereira no Corinthians, o meia Luan voltou a sentir incômodo no quadril que o tirou de uma sequência de jogos no mês passado. Depois de receber a aplicação de ácido, o camisa 7 do time alvinegro também iniciou o processo de recuperação no departamento médico do CT Joaquim Grava, também sendo desfalque no elenco.

A dupla se junta ao volante Paulinho, que rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e ainda passará por cirurgia de reconstrução. O meio-campista não joga mais nesta temporada, já que seu processo de recuperação leva de seis a oito meses.

Os atletas que estiveram à disposição da comissão técnica para o treinamento desta sexta-feira (6) foram divididos em dois grupos. Aqueles que jogaram por mais de 45 minutos na Colômbia realizaram uma atividade regenerativa na parte interna do CT Joaquim Grava, enquanto o restante fez um trabalho com bola sob os olhares do técnico Vítor Pereira.

O zagueiro Murillo (2002), o lateral-direito Léo Mana (2004), os meio-campistas Biro (2004) e Matheus Araújo (2002), além dos atacantes Giovane (2003) e Felipe (2004) — todos da categoria de base do Corinthians — completaram a atividade com bola no CT Joaquim Grava ao lado dos profissionais.

Uma provável escalação inicial do técnico Vítor Pereira tem: Cássio, Rafael Ramos, João Victor, Gil e Lucas Piton (Bruno Melo); Du Queiroz, Giuliano (Cantillo) e Renato Augusto; Willian (Adson), Róger Guedes e Júnior Moraes.

ARTUR RETORNA E DECIDE PELO RED BULL BRAGANTINO

Menos de meia hora bastou para que Artur e José Hurtado, vindos do banco de reservas do Nabi Abi Chedid, entrassem em campo pelo Red Bull Bragantino e garantissem o empate diante do Vélez Sarsfield, na quinta-feira (5). Aos 38 minutos, o atacante cruzou aberto para o lateral direito, sozinho na grande área, finalizar firme, empatar o jogo e manter o time vivo no Grupo C da Libertadores.

O empate por 1 a 1 manteve o time de Bragança Paulista na segunda posição, com cinco pontos, e impediu o Vélez de entrar de vez na briga por vaga nas oitavas de final.

Da dupla que mudou o resultado no fim da partida, fica o destaque para Artur, que mudou a postura da equipe no ataque, e foi peça essencial para evitar a derrota em casa.

Grande nome do time de Bragança Paulista no Campeonato Brasileiro de 2021, com 12 gols e oito assistências, o camisa 7 voltou após mais de um mês lesionado, e, mesmo com o período afastado dos gramados, continua sendo a principal fonte de gols do elenco do técnico Maurício Barbieri nesta temporada.

Embora ele tenha atuado em apenas 13 partidas no ano, de seus pés saíram quatro gols e três assistências. Em média, o atacante leva 136 minutos para participar de um gol pelo Bragantino. Além disso, segundo a plataforma SofaScore, o atleta de 24 anos fez 26 passes decisivos e 27 finalizações (13 certas).

Artur lesionou a parte posterior da coxa esquerda em 23 de março, durante partida pelas quartas de final do Campeonato Paulista, contra o Santo André, e até o jogo de desta quinta-feira (5) não havia mais entrado em campo.

Agora, o atacante deve retornar ao campo na partida de domingo. Em contrapartida, o Maurício Barbieri ainda enfrentará uma extensa lista de desfalques: Natan, Praxedes, Luan Cândido, Carlos Eduardo, Gabriel Novaes, Emi Martínez, Maycon e Raul continuam no Departamento Médico do time, e Leandrinho cumpre isolamento após diagnóstico positivo de Covid-19. Com isso, uma provável escalação inicial do Red Bull Bragantino tem: Cleiton; Anderlan, Léo Ortiz, Renan e Ramon; Jadsom, Eric Ramires (Lucas Evangelista) e Hyoran; Helinho, Sorriso (Artur) e Ytalo.

Estádio: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Horário: Às 18h (de Brasília) deste domingo (18)

Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)

VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos (Fifa/SP)

Transmissão: Premiere

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos