Corinthians volta a usar escalação “perfeita” diante do Botafogo-SP

No primeiro jogo da série de mata-matas que o Corinthians terá pela frente que realmente pode causar uma eliminação da equipe, contra o Botafogo-SP, às 16h (de Brasília), no estádio de Itaquera, o técnico Fábio Carille pode contar, enfim, com a equipe considerada ideal por ele dentro de campo. Até o momento presente em apenas duas partidas, o time conquistou o treinador pela intensidade adquirida neste início de ano e a capacidade de criação com a dupla Rodriguinho e Jadson.

Do goleiro ao centroavante, o Timão já é escalado há algum tempo pelo torcedor com Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Jadson, Rodriguinho, Maycon e Romero; Jô. Com relação ao time que ganhou da Universidad de Chile, a única novidade é o lateral direito Fagner, que deu lugar ao garoto Léo Príncipe na competição sul-americana para cumprir suspensão imposta pela Conmebol.

Nas duas vezes em que a equipe ideal de Carille entrou em campo, ainda no começo do mês passado, o resultado foi empolgante para a comissão técnica. Vitória por 1 a 0 no clássico contra o Santos, no estádio de Itaquera, em uma das poucas vezes em que o time mais propôs o jogo do que esperou o adversário fazê-lo. Três dias depois, triunfo por 2 a 0 sobre o Luverdense, encaminhando a classificação na Copa do Brasil.

Essa foi, por sinal, foi a única vez na temporada em que Carille conseguiu repetir um time em duas ocasiões consecutivas na atual temporada, algo que ele pretende fazer tendo em vista os perigosos confrontos frente ao Internacional, pela Copa do Brasil. Para que isso aconteça, além da questão física, o comandante conta com a disciplina do lateral direito Fagner, pendurado no Estadual com dois amarelos.

Desde os bons experimentos, porém, a comissão técnica optou por rodar o elenco e evitar que alguns jogadores se desgastassem demais antes da série de duelos eliminatórios que o Timão teria pela frente. Dessa forma, garotos como Pedrinho e Léo Jabá puderam ser testados em jogos como o clássico contra o São Paulo, no estádio do Morumbi, e agora são considerados prontos para ajudar na fase decisiva.

Para avançar de fase, o Timão terá que vencer o Botafogo-SP por qualquer diferença. Caso o time de Ribeirão Preto saia vencedor, a vaga vai para a equipe do interior. Um empate, assim como ocorreu no duelo de ida, no estádio Santa Cruz, leva a decisão para os pênaltis. Não há diferenciação nos gols marcados dentro ou fora de casa no Paulista.