Corinthians perde do Ceará e aumenta jejum fora de casa

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
FORTALEZA, CE, 25.11.2021 – CEARÁ-CORINTHIANS: Partida entre Ceará e Corinthians, válida pela 35° rodada do Campeonato Brasileiro 2021 na Arena Castelão, em Fortaleza, CE, nesta quinta-feira. (Foto: Kely Pereira/AGIF/Folhapress)
FORTALEZA, CE, 25.11.2021 – CEARÁ-CORINTHIANS: Partida entre Ceará e Corinthians, válida pela 35° rodada do Campeonato Brasileiro 2021 na Arena Castelão, em Fortaleza, CE, nesta quinta-feira. (Foto: Kely Pereira/AGIF/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em uma partida que contou com um erro de Cássio e mais um gol sofrido nos minutos finais, o Corinthians completou o oitavo jogo consecutivo sem vencer atuando como visitante. Nesta quinta-feira (25), o algoz foi o Ceará, que venceu por 2 a 1, no Castelão.

O resultado breca a ascensão do clube do Parque São Jorge no Campeonato Brasileiro e impede a equipe de diminuir a distância para o rival Palmeiras, o terceiro colocado.

Na última rodada, a formação comandada por Sylvinho venceu o Santos, por 2 a 0, em Itaquera, e passou a figurar na quarta posição, a melhor que já ocupou no Nacional.

Sem pontuar nesta quinta, permanece com 53 pontos, com seis a menos do que os palmeirenses. Só não perdeu uma posição na tabela porque o Fortaleza, em quinto, foi derrotado pelo Santos, por 2 a 0, na Vila. O time cearense tem 52 pontos.

A missão de dar fim ao jejum longe de casa se tornou ainda mais difícil logo no começo da partida, aos 6 minutos, quando Cássio errou uma reposição de bola e o meia Vina aproveitou que a zaga estava saindo para finalizar de fora da área e surpreender o goleiro.

O lance permitiu ao Ceará recuar a marcação e passar a explorar contra-ataques, enquanto os corintianos ficavam ciscando a bola de um lado para o outro em busca de espaço para finalizar.

Parte da dificuldade na armação corintiana ocorria por causa da ausência de Renato Augusto, poupado do jogo pelo técnico Sylvinho. Aos 33 anos, ele chegou ao clube no fim de julho depois de um período de oito meses de inatividade.

Luan, o escolhido para atuar no meio de campo alvinegro, não conseguia dar um ritmo mais veloz ao setor, como o Corinthians fez no clássico.

Só aos 35 minutos o time paulista teve uma chance clara, quando Gabriel Pereira girou sob a marcação na grande área, mas de frente para o gol finalizou em cima do goleiro.

Apenas depois do intervalo, já aos 10 minutos, Sylvinho colocou em campo Renato Augusto e, junto com ele, Willian. Du Queiróz e Luan deixaram o jogo.

As mudanças deixaram o Corinthians mais ofensivo e a equipe passou a criar oportunidades mais claras de buscar o empate. E conseguiu, aos 38, com Róger Guedes. Três minutos depois, porém, Yony González voltou a deixar os mandantes em vantagem, fechando o placar.

O último triunfo do time de Sylvinho como visitante foi no dia 28 de agosto, 1 a 0, sobre o Grêmio. Depois, foram cinco derrotas (Sport, São Paulo, Atlético-MG, Flamengo e Ceará) e três empates (Internacional, Atlético-GO e Red Bull Bragantino) no período.

O próximo compromisso, agora, será contra o Athletico, domingo (28), na Neo Química Arena.

CEARÁ

João Ricardo; Igor, Gabriel Lacerda, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral (William Oliveira), Vina (Jorginho) e Lima (Rick); Jael (Yony González) e Mendoza (Kelvyn). T.: Tiago Nunes

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Lucas Piton; Gabriel, Du Queiroz (Willian), Luan (Renato Augusto), Gabriel Pereira (Gustavo Mosquito) e Roger Guedes; Jô. T.: Sylvinho

Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Gols: Vina, aos 12' do 1º tempo (1-0); Roger Guedes, aos 38' do 2º tempo (1-1); Yony González, aos 41' do 2º tempo (2-1)

Juiz: Paulo Roberto Alves Junior (PR)

Cartões amarelos: Fernando Sobral (Ceará); Gabriel, Fagner, Cássio e Du Queiroz (Corinthians)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos