Corinthians não paga conta de luz, tem energia cortada e "culpa" home office

Goal.com

O Corinthians não pagou a conta de luz referente ao mês de março e teve a energia do Parque São Jorge cortada. O próprio clube confirmou a informação, divulgada inicialmente pelo site Gazeta Esportiva, admitindo que houve uma falha logística. 

Em comunicado oficial, o Timão alegou que "em virtude da mudança na rotina de trabalho em home office devido à pandemia do Covid-19 houve um erro em função do rodízio de funcionários e foi suspenso o fornecimento de energia da sua sede".

"As tratativas com a Enel distribuidora foram encaminhadas na última sexta-feira (24), e o serviço deverá ser restabelecido na próxima segunda-feira (27)", acrescenta a nota.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O corte não prejudicou tanto as atividades na sede social corintiana porque o Parque São Jorge está fechado desde o dia 18 de março para o público, seguindo a orientação de evitar aglomerações e circulação de pessoas durante a pandemia.

No entanto, com apenas geradores de energia elétrica funcionando desde sábado, estoques de lojistas que armazenam produtos em freezers e geladeiras do local podem ser afetados, segundo a Gazeta Esportiva.

Vale lembrar ainda que o Parque São Jorge não se enquadra na categoria de consumidores residenciais urbanos e rurais ou de atividades essenciais que não teriam a energia cortada por falta de pagamento neste período de crise.

Nas redes sociais, a falta de pagamento da conta de luz por parte do Timão gerou provocações e piadas de rivais.

Leia também