Corinthians muda foco para Copa do Brasil com Jô entre as preocupações

Menos de 24 horas após a vitória por 1 a 0 diante do Botafogo que classificou o Corinthians para as semifinais do Campeonato Paulista, o elenco se reapresentou ao CT Joaquim Grava e iniciou preparação para o próximo desafio, desta vez válido pela abertura da quarta fase da Copa do Brasil. Com pouco tempo de descanso e preparação para o jogo desta quarta-feira, às 21h45, contra o Internacional, no Beira-Rio, o atacante Jô virou motivo de preocupação. E a razão é simples: a maratona de jogos do Timão teve no camisa 7 sua maior vítima.

Jô atuou nas últimas 14 partidas do Corinthians, entre Paulistão e Copa do Brasil. Dos 22 confrontos da equipe na temporada, ele participou de 21, sendo poupado apenas na quarta rodada do Estadual, na partida contra o Osasco Audax. O camisa 7 deixou a partida contra o Botafogo com dores na coxa esquerda, e será avaliado pelo departamento médico do Corinthians para saber se tem condições de jogar em Porto Alegre. O próprio jogador reconhece o peso da maratona.

- Foi o meu 11º jogo seguido, complicado com 30 anos. Mas eu estou tentando, correndo, batalhando. Com descanso e recuperação adequadas eu posso ficar disponível para os jogos, inclusive na quarta-feira - disse o jogador.

A grande sequência de jogos de Jô deve-se, especialmente, às lesões dos dois únicos jogadores do elenco em condições de substituí-lo: Kazim e Carlinhos. O primeiro iniciou a transição para o gramado na semana passada e participou da atividade desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava. Ele pode ser novidade ao menos na lista de relacionados contra o Internacional. Outros jogadores que podem aparecer na relação são Guilherme e até Pedro Henrique, em fase final de tratamento de lesão. Assim, só Vilson e Danilo permanecem no departamento médico.

A escalação do Corinthians para enfrentar o Colorado será definida no treinamento desta terça-feira, às 15h30. O elenco viaja para o Rio Grande do Sul logo após a atividade, no início da noite.







E MAIS: