Corinthians monitora Vojvoda no Fortaleza, mas segue priorizando Vítor Pereira

Com Vojvoda, Fortaleza chegou até às oitavas de final da Libertadores em 2022 (Foto: Staff Images/CONMEBOL)


Enquanto aguarda a resposta de Vítor Pereira sobre a sua permanência no Corinthians em 2023, a direção do clube alvinegro está atenta ao mercado caso a resposta do treinador português seja negativa para a continuidade. E, ainda que não tenha feito proposta, o Timão está de olho em Juan Pablo Vojvoda, do Fortaleza.

+ Confira detalhes da terceira camisa e a nova linha do Corinthians em alusão ao Mundial do Japão

As informações recentes recebidas pela direção corintiana é que a situação do técnico argentino no Leão do Pici está indefinida, o que abriria margem para que ele negocie com outra equipe após o fim do Campeonato Brasileiro.

O que anima os corintianos é que o prazo pessoal de Vojvoda para estudar o seu futuro é o mesmo que o Corinthians tem para aguardar a decisão de Vítor Pereira, que segue como prioridade.

O departamento de futebol do Timão avalia positivamente o trabalho de Vítor e entende que a continuidade para o ano que vem seja o ideal, até por conta da identificação que o profissional criou com o clube e a relação de confiança que ele tem com a direção, em especial o presidente Duílio Monteiro Alves. Pereira também quer ficar, mas problemas pessoais podem fazer com que ele tenha que retornar a Europa.

+ Confira a tabela do Brasileirão e simule os próxmos jogos

A relação entre Vítor Pereira e a diretoria do Corinthians não é muito diferente da de Juan Pablo Vojvoda no Fortaleza. No clube nordestino há duas temporadas, o contato do técnico com o presidente Marcelo Paz é ótimo porque o entendimento é que o argentino comprou o projeto do Leão, mesma sensação que os corintianos têm em relação ao VP. E é sabendo que o perfil do argentino é semelhante ao do português é que o nome do atual treinador do Tricolor Cearense agrada a cúpula corintiana.

Além do Timão, outros clubes brasileiros monitoram as negociações de renovação contratual de Vojvoda com o Fortaleza. É o caso do Santos, que está sem treinador desde o último dia 12 de setembro, quando Lisca deixou a equipe.

O Atlético-MG é outro time que está de olho na situação de Juan Pablo Vojvoda. O Galo vive um momento parecido com o do Corinthians, já que não sabe se o seu técnico atual, Cuca, permanecerá em 2023.