Corinthians leva virada do Atlético-MG e estaciona na tabela

·2 minuto de leitura
SÃO PAULO, SP, 14.11.2020 – CORINTHIANS-ATLÉTICO-MG: Partida entre Corinthians e Atlético-MG, válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro série A 2020, realizada na Neo Química Arena, na zona leste de São Paulo, na noite deste sábado (14). (Foto: André Pera/Agência F8/Folhapress)
SÃO PAULO, SP, 14.11.2020 – CORINTHIANS-ATLÉTICO-MG: Partida entre Corinthians e Atlético-MG, válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro série A 2020, realizada na Neo Química Arena, na zona leste de São Paulo, na noite deste sábado (14). (Foto: André Pera/Agência F8/Folhapress)

O Corinthians viu a chance de vencer o Atlético-MG escapar neste sábado (14), na Neo Química Arena, em partida válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com um gol de Guilherme Arana, seu ex-jogador, e Marrony, perdeu por 2 a 1, de virada.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

O resultado levou o clube mineiro aos 38 pontos e à liderança do torneio. Além de vencer, o time de Belo Horizonte se beneficiou da derrota do Internacional para o Santos, também neste sábado.

Já o Corinthians estacionou nos 25 pontos, perto das equipes da zona de rebaixamento.

Leia também:

Bem organizado em campo, o time paulista cercava a saída de bola dos mineiros, sem dar espaços para a boa formação do técnico argentino Jorge Sampaoli.

O gol corintiano veio cedo, aos 5 minutos de partida, com Davó, após boa jogada de Luan e Ramiro.

Mas o time adversário veio melhor preparado para o segundo tempo.

A reação do Atlético-MG começou com um jogador criado na base corintiana: o lateral esquerdo Guilherme Arana, que empatou aos 15 da etapa final. Aos 37, Marrony fechou o placar.

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Lucas Piton; Gabriel (Cantillo), Ramiro (Araos), Roni (Éderson) e Luan; Everaldo (Léo Natel) e Matheus Davó (Jonathan Cafu) Técnico: Vagner Mancini

ATLÉTICO-MG

Everson; Guga, Réver, Igor Rabello e Guilherme Arana; Allan, Jair e Zaracho (Nathan); Eduardo Vargas (Bueno), Keno (Hyoran) e Eduardo Sasha (Marrony) Técnico: Jorge Sampaoli

Estádio: Neo Química Arena, em São Paulo

Árbitro: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)

Auxiliares: Alex dos Santos e Henrique Neu Ribeiro (SC)

VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)

Cartões amarelos: Roni, Ramiro e Davó (C); Jair, Keno, Réver, Vargas e Victor (A)

Gols: Matheus Davó, aos 5min do primeiro tempo; Guilherme Arana, aos 15min, e Marrony aos 37min do segundo tempo

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos